A temporada de 2021 foi desastrosa para o Paraná, que culminou com o rebaixamento do clube para a Série D do Campeonato Brasileiro. Apesar disso, a nova diretoria, liderada por Rubens Ferreira, o Rubão, já manifestou o interesse em alguns atletas do atual elenco para renovar os seus contratos para o ano que vem.

Um deles é o goleiro Bruno Grassi, que foi capitão da equipe na temporada e um dos principais destaques. O arqueiro já destacou que pretende permanecer. "O Paraná precisa ser ajudado. Eu não sei o que aconteceu tempos atrás, mas enfim, a gente precisa ajudar o Paraná, e essa diretoria já mostrou que veio para contribuir. Eu espero fazer parte desse processo", disse.

Fique por dentro de todas as informações do Paraná Clube

Para a temporada de 2022, o Paraná possui apenas nove atletas com contrato. São eles: o goleiro Leandro Filipe, o lateral-direito Paranhos, o volante Kriguer, os meias Gabriel Correia, Lucas Sene, Lucão, Matheus Japa e Ryan, e o atacante Mikael.

A diretoria ainda busca estender os vínculos com jogadores que foram promovidos das categorias de base e que não possuem mais contrato para 2022, como Guilherme Lacerda, Bryan, Léo Pettenon, Gabriel Pires e Castanha.

Por fim, a maioria do elenco que disputou a Série C deste ano não tem vínculo para 2022. Além do goleiro Bruno Grassi, são os casos também de Neguet (goleiro), Danilo (lateral-esquerdo), Vinicius Guarapuava (zagueiro), Moisés Gaúcho e Luan (volantes), Reis, Hugo Sanches, Vinicius Moura, Gustavo França e Ebere (atacantes).

Participe da conversa!
0