O Paraná passou a apostar todas as suas fichas nos jovens promovidos das categorias de base somente na reta final da Série C do Campeonato Brasileiro, quando a situação da equipe na competição já estava praticamente decretada.

Ao todo, durante toda a temporada de 2021, o clube utilizou 12 jogadores formados no CT Ninho da Gralha. São eles: o zagueiro Guilherme Lacerda, os laterais Paranhos e Bryan, os volantes Kriguer, Lucão e Léo Pettenon, os meias Gabriel Pires, Castanha e Matheus Japa e os atacantes Lucas Sene, Mikael e Ruan.

Destes, cinco deles possuem vínculo com o Tricolor somente até o final do ano: Guilherme Lacerda, Bryan, Léo Pettenon, Gabriel Pires e Castanha. A tendência é que o clube procure todos esses atletas para renovar seus contratos para 2022.

Bryan e Léo Pettenon possuem vínculo até o fim da temporada. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois Esportes.
Bryan e Léo Pettenon possuem vínculo até o fim da temporada. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois Esportes.| Albari Rosa/Foto Digital/UmDois

"A solução do clube é na base. É muito difícil a gente revelar um Ricardinho, Lúcio Flávio novamente, mas dentro da nossa realidade é possível sim revelar novos atletas e fazer com que eles possam nos representar muito bem", disse o técnico Jorge Ferreira, no último fim de semana, após a despedida do Paraná da Série C.

Pratas da casa devem formar a base do time de 2022

Kriguer tem contrato com o Tricolor. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois Esportes.
Kriguer tem contrato com o Tricolor. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois Esportes.| Albari Rosa/Foto Digital/UmDois

Enquanto alguns possuem seus vínculos se encerrando com o clube, outros atletas já estão garantidos para o ano que vem. São nove jogadores com contrato para 2022, sendo que oito deles foram formados nas categorias de base do Paraná.

Apenas o meio-campo Gabriel Correia, que estreou pelo Tricolor na reta final da Série C, não fez parte da base paranista. Os outros jogadores com contratos são o goleiro Leandro Filipe, o lateral-direito Paranhos, os volantes Kriguer e Lucão, os meias Matheus Japa e Ryan, e os atacantes Lucas Sene e Mikael.

Participe da conversa!
0