O Paraná completou 500 minutos sem marcar gols. Desde o gol de Juninho, aos 20 minutos do segundo tempo da vitória por 2 a 1 sobre o Cascavel CR, pela nona rodada da primeira fase do Campeonato Paranaense, o Tricolor não sabe o que é balançar as redes.

Consequência dessa má fase do setor ofensivo, o Paraná também completou cinco jogos sem vitória - são quatro derrotas e um empate. Atacante artilheiro e que virou ídolo paranista na posição, o técnico Maurílio agora terá uma semana cheia para ajustar o setor e passar orientações às peças.

Mas os números gerais da temporada também são desanimadores. Em 15 jogos, são quatro vitórias, três empates e oito derrotas, com apenas 10 gols marcados e 18 sofridos. Ou seja, a média é de menos de um gol marcado por jogo e mais de um gol sofrido por partida. O treinador espera por mais jogadores para qualificar o ataque com a chegada da parceria com a FDA Sports.

+ Veja a tabela da Série C

"Não estamos marcando. A gente vem fazendo trocas, buscando possibilidades. Mas não temos aproveitado as chances de fazer os gols. A gente vem mudando e posicionando. Às vezes o Juninho por dentro ou pelo lado. O Gustavinho, França, Thiaguinho, a gente vem usando. Se estivéssemos desde o início sem ataque e sem mudar seria um problema", declarou Maurílio após a derrota por 1 a 0 para o Botafogo-SP.

"Eu fico preocupado pela falta de qualidade. Precisamos qualificar o elenco", endossou.

O treinador, realmente, tem mexido bastante no trio de ataque. Foram 10 nomes que já jogaram desde o último gol marcado. Juninho, Thiago Alves, Gustavo França, Gustavinho, Pedro Augusto, Gabriel Pires, Elielton, Lucas Sene, Da Silva e Reis foram os atletas usados por Maurílio. Destes, Da Silva e Elielton já nem estão mais no clube.

O próximo desafio para a equipe quebrar esse jejum de gols será diante do Figueirense. A partida está marcada para domingo (13), às 18h, na Vila Capanema, e é válida pela terceira rodada da Série C.

Veja a lista de jogos e os minutos totais em que o Paraná não marcou gols:

Cascavel CR 1 x 2 Paraná, 9ª rodada do Paranaense: último gol aos 20 do 2ºT - 29 minutos.
Azuriz 0 x 0 Paraná, 10ª rodada do Paranaense: 103 minutos.
Paraná 0 x 1 Operário, 11ª rodada do Paranaense: 96 minutos.
Paraná 0 x 2 Athletico, quartas de final do Paranaense: 97 minutos.
Ypiranga 2 x 0 Paraná, 1ª rodada da Série C: 97 minutos.
Paraná 0 x 1 Botafogo-SP, 2ª rodada da Série C: 97 minutos.
Total: 519 minutos sem marcar gol.

Participe da conversa!
0