O técnico do Coritiba, Gustavo Morínigo, disse que apesar da derrota no clássico Atletiba desta quinta-feira (6), não pode reclamar de “absolutamente nada” da atuação de seus jogadores na Arena da Baixada.

Com um gol sofrido aos 45 minutos do segundo tempo, o Coxa foi superado pelo Athletico por 2 a 1, resultado que deixa o clube na segunda colocação do Paranaense, com 12 pontos em oito rodadas, um a mais que o rival, quinto colocado.

“Não posso reclamar de absolutamente nada dos jogadores, deram tudo, trabalharam, tentaram até o último minuto. Empatamos uma partida depois de tomar o primeiro gol”, disse o treinador, que lamentou a falta de sorte em algumas jogadas do time.

Morínigo vê Coritiba em evolução, apesar da sequência negativa

O paraguaio reiterou também que, mesmo enfrentando dois reveses seguidos pela primeira vez na temporada, acredita que o Alviverde está em evolução.

“Preocupação sempre há com derrota, claro, também com a vitória. Nós estamos em crescimento. Não somos os melhores quando ganhamos e não somos ruins quando perdemos”, avaliou Morínigo.

“Estamos em um caminho de crescimento, o grupo é novo, preocupa de repente a derrota, mas temos que analisar a forma. Não só ver o resultado, mas ver  forma e as razões pela quais estamos perdendo”, completou, citando que “erros pontuais” foram cruciais para o resultado negativo.

+ Confira a classificação completa e os próximos jogos do Coritiba no Paranaense

Até aqui, na temporada 2021, o Coritiba soma três derrotas, para Operário (quando jogou com os reservas), FC Cascavel e Athletico. Todas pelo Campeonato Paranaense.

Participe da conversa!
0