O profissional de poker Rodrigo Chiu, 23 anos, foi o grande campeão essa semana do evento principal do Curitiba Poker Tour (CPT), que marcou um ano do H2 Club Curitiba e pagou R$ 400 mil juntando toda a série. Com o título, o campeão ficou com R$ 44 mil.

“Cravar um torneio ao vivo é bem mais emocionante do que online. É uma sensação incrível vencer um torneio com um field de tantas pessoas”, afirmou ao Resenha do Poker. No total fora, 1.162 entradas

O Resenha do Poker agora tem Instagram! Siga

Com alguns troféus do Brasileiro de poker (BSOP) em casa, Chiu admite que a sensação de ganhar o CPT foi muito parecida. “Dá para comparar sim, o poker é sinistro nessa parte de emoção e adrenalina. É muito bom ter a sensação de vencer”, complementa.

Esta não é a primeira vez que Chiu aparece no Resenha do Poker. Em um BSOP no ano passado, inclusive, ele fez uma dobradinha com Hamilton Junior, que por coincidência também estava nesta mesa final do CPT vencida pelo jogador. Já em 2017 Chiu deu a primeira entrevista para o Resenha do Poker, quando ganhou R$ 236 mil em um torneio de poker online.

Mesa final da terceira etapa do CPT 2019. Foto: Divulgação/H2
Mesa final da terceira etapa do CPT 2019. Foto: Divulgação/H2

“O CPT é um torneio que todo mundo que gosta de jogar poker deve jogar sem falta! É um buy in ‘barato” para um prêmio grande. A estrutura no dia 2 é sensacional com 40 minutos de blind. A maior dificuldade foi nos momentos com poucas fichas, manter a paciência foi essencial para escolher uma mão boa para ir para o chão”, conta.

Apesar de ter finalizado o dia 1 como líder em fichas e ter entrado na mesa final também com o maior stack, Chiu viveu uma montanha russa no torneio, chegando a ficar com 7 blinds no dia 2. Mas a certeza de que a cravada viria foi quando estava prestes a cair na mesa final e acertou uma das três cartas que o fariam vencer, os famosos três outs.

Siga e curta o Resenha do Poker no Facebook

Após ter feito parte da carreira no The House Poker Team, Chiu agora joga por conta e utilizará o prêmio na viagem que ocorrerá em uma semana para Las Vegas, onde disputará o WSOP, conhecido como o Mundial de poker. E para quem sonha em voar alto também, o simpático jogador deixa a dica.

“Eu acho o estudo muito importante no poker. Todo mundo que puder deve comprar coachings e cursos. Pode ser certeza que no poker o quanto mais você estuda, mais próximo está de cravar um torneio legal”, ensina o campeão, que fez questão de agradecer quem torceu por ele e ao Resenha pela oportunidade.

Nós que agradecemos, Chiu! Grande conquista! Boa sorte em Las Vegas!

Veja quem ganhou a primeira etapa do CPT 2019

Veja quem ganhou a segunda etapa do CPT 2019

Grupo no Whats

Como os leitores mais antigos do blog sabem, temos alguns grupos do WhatsApp onde divulgamos notícias do Resenha do Poker e focamos nas discussões de mãos com dúvidas. Nestes grupos bad beats não são bem-vindas! Para entrar basta acessar esse link. Qualquer problema, é só escrever para robsonm@gazetadopovo.com.br. É grátis. Se quer receber por e-mail as notificações de notícias, mandar críticas ou sugestões, este e-mail também é o caminho.

Leia Mais

Jogador de Maringá fatura R$ 174 mil e inédito bicampeonato

Como um profissional de poker se comporta diante de grandes torneios

Aplicativo curitibano facilita a vida de jogadores de poker ao vivo

Conheça as casas de poker de Curitiba


Participe da conversa!
0