Após a derrota para o Mirassol, que praticamente rebaixou o Paraná à Série D, o técnico Jorge Ferreira foi sincero ao falar da sequência de erros que causaram a queda vertiginosa do clube em 2021.

O Tricolor, que começou o ano disputando a Série B, só não terminará o calendário na última divisão do futebol nacional, com um improvável milagre nas últimas duas rodadas da Série C.

Na opinião do comandante, que assumiu o posto contra o Criciúma, na rodada passada, o duro ano não pode ser esquecido. Pelo contrário, deve servir de aprendizado para a nova diretoria, que assume nesta terça-feira (14).

+ Veja a tabela da Série C

"Não se pode falar em esquecer, muito pelo contrário, é um ano para ser lembrado, sempre, para não cometermos os mesmos erros – tanto na queda da B para C, como agora, se não conseguirmos nos livrar do rebaixamento, da C para a D", disse o treinador, ex-diretor da categoria de base paranista.

"Quando falo dos mesmos erros, digo dentro e fora de campo. Acho que essa essa gestão nova tem buscado novos recursos, tem boas ideias, e é um grupo jovem também. Acredito que pode, de repente, ter de bater no fundo do poço pra ressurgir mais forte ainda", completou.

Participe da conversa!
0