Série B

Márcio Coelho rebate Renan Bressan e pede que elenco do Paraná não “jogue a toalha”

Márcio Coelho sofre o terceiro tropeço em quatro jogos.
Márcio Coelho sofre o terceiro tropeço em quatro jogos.| Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDoisEsportes
  • Por Juliana Fontes
  • 20/01/2021 00:29

O técnico Márcio Coelho, do Paraná, acredita que o elenco não pode aceitar, ainda, o rebaixamento do time à Série C. A opinião do treinador bate de frente com a declaração do meia Renan Bressan, que ressaltou que a equipe dificilmente escapa da queda.

Confira a classificação completa da Série B

Após a derrota por 2 a 0 para o Cuiabá nesta terça-feira (19), na Vila Capanema, pela 36ª rodada da Série B, o Tricolor ficou muito próximo ao descenso e precisará vencer os dois compromissos restantes e ainda torcer pelo tropeço dos adversários diretos.

“Não tem ainda toalha jogada, não desistimos. Enquanto tiver alguma possibilidade vamos lutar até o final. É claro que uma derrota em casa, uma sequência de frustrações nos jogos, deixa todos desanimados. Mas temos duas rodadas e temos que fazer nossa parte e buscar as duas vitórias”, disse em entrevista coletiva.

Márcio Coelho lamenta dificuldades do Paraná

O Paraná tem pela frente o lanterna Oeste, na próxima terça-feira (26), às 19h15, na Arena Barueri. O último jogo da Segundona será diante do Cruzeiro, no dia 30, na Vila Capanema. Brigam para escapar da degola o Vitória, o Náutico e o Figueirense. Botafogo-SP e Oeste estão já estão na Série C.

“Não escutei a entrevista dele [Renan Bressan], mas cheguei há pouco e não é de hoje que o Paraná vem enfrentando problemas. A consequência é chegar ao final da competição da maneira como está. Mas vamos analisar os jogos da rodada, se os resultados continuarem nos favorecendo ficamos dentro da competição”, finalizou.

Participe da conversa!
0

    Tudo sobre

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.