O técnico Maurílio classificou como “totalmente injusta” a derrota para o Criciúma no último domingo (4), no Heriberto Hülse, e disse que o Paraná foi “punido pelo acaso” na partida que terminou 2 a 0 a favor dos anfitriões, pela sexta rodada do grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro.

Os dois gols do Criciúma foram marcados no segundo tempo. O primeiro deles saiu de pênalti logo no segundo minuto, após Adriano Júnior bloquear com a mão um chute de fora da área. O segundo veio já aos 49 minutos, depois de o Paraná se lançar à frente e levar um contra-ataque fatal.

Webtsory: tudo sobre a derrota do Paraná para o Criciúma

“Nossa equipe tem evoluído, mas precisamos fazer com que os atletas acreditem mais. Quando iniciamos, mostramos a responsabilidade que era este jogo, os atletas fizeram um grande jogo, e fomos punidos pelo acaso, dois gols que a gente fica chateado pela forma que tomamos”, disse o treinador em entrevista coletiva pós-jogo.

+ Veja como foi o tempo real de Criciúma x Paraná

Segundo Maurílio, os jogadores paranistas terminaram o jogo conscientes de que fizeram um bom trabalho e de que não mereciam o resultado de 2 a 0.

“Ficamos tristes porque acabamos punidos no final, sendo que tivemos mais chance de fazer do que tomar”, acrescentou.

Confira a classificação da Série C

“O resultado foi totalmente injusto, a gente não consegue digerir a curto tempo, e vamos trabalhar o lado emocional. Fizemos um bom jogo a nível técnico e de organização de equipe, e vamos continuar nesse foco de consistência para que os atletas possam estar ainda melhores no próximo jogo”, completou Maurílio.

Vice-lanterna do grupo B com apenas quatro pontos em seis jogos, o Paraná volta a campo no próximo sábado (10), quando visita o Mirassol.

Participe da conversa!
0