Sem nenhum desfalque, o técnico Maurílio deve repetir a escalação do Paraná diante do FC Cascavel. Após a estreia com eliminação na Copa do Brasil, o Tricolor vai debutar no Campeonato Paranaense neste domingo (14), às 17h15, no estádio 14 de dezembro, em Toledo.

Diante do Cianorte, o treinador optou por um time cheio de caras novas e apenas o goleiro Renan de remanescente. A principal novidade foi a improvisação do zagueiro Anderson Salles como primeiro volante.

Se quiser ampliar o poder de criação, o comandante paranista pode optar por tirar um volante e colocar um meia, como Lucas Abreu, que entrou na vaga de Mazinho na estreia, ou Thiago Alves.

A parte física também pode pesar para o técnico mexer na equipe. No segundo tempo da Copa do Brasil, o time acabou sentindo o cansaço de um estreia e sofreu a derrota. Mas não há nenhum problema de lesão ou desgaste.

Um provável Paraná para a partida tem: Renan; Jaílson, Micael, Jeferson e Christiano; Anderson Salles, Mazinho (Lucas Abreu) e Ramires; Juninho, Hugo Sanhes e Da Silva.

Paraná pode ter novidades contra o FC Cascavel

O treinador ainda vai contar com mais dois reforços à disposição. O goleiro Lucas Wingert e o volante Vico apareceram no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na quinta-feira (11) e podem estrear com a camisa paranista.

O meia Maxi Rodríguez ainda aguarda o registro oficial. Já o atacante Matheus Rodrigues tem sua situação indefinida.

Paraná ficará em Toledo para enfrentar o Porco

Depois do desafio contra a Serpente, o Paraná vai enfrentar o Toledo, na quarta-feira (17), às 16h, novamente no 14 de dezembro, em duelo válido pela quarta rodada.

A Federação Paranaense de Futebol (FPF) homologou a partida nesta sexta-feira (12). Assim, o elenco ficará na cidade do Oeste pensando em uma melhor logística e economia com transporte.

+ Mercado da Bola do Paraná: siga as contrações em tempo real

Participe da conversa!
0