Tudo aberto. Londrina e FC Cascavel empataram na partida de ida da final do Campeonato Paranaense por 1 a 1, no Estádio do Café, na tarde desta quarta-feira (6). O Tubarão abriu o placar com Victor Daniel ainda no primeiro tempo, mas, no último minuto de jogo, João Pedro empatou para a Serpente.

A partida decisiva será na próxima quarta-feira (13), às 15h20, no Estádio Olímpico Regional, em Cascavel. As equipes voltaram a fazer uma final 100% do interior depois de sete anos. A última vez que a decisão do Estadual ficou longe da capital foi em 2014, quando o próprio Tubarão foi campeão em cima do Maringá.

O Londrina, inclusive, tenta alcançar seu quinto título Estadual. O time da região norte já levantou a taça em 1962, 1981, 1992 e 2014. Já a Serpente, time criado em 2008, chegou pela primeira vez à decisão e busca o título inédito.

Com o empate, quem vencer na próxima semana, fica com o título. Nova igualdade, leva o jogo para os pênaltis.

| Ricardo Chicarelli/ Londrina EC

O jogo

Em campo, embalado pela vitória de virada sobre o Sampaio Corrêa pela Série B, o Londrina aproveitou as chances e abriu o placar logo aos 12 minutos. Após contra-ataque, a bola chegou em Victor Daniel na área, que driblou o goleiro Ricardo e mandou para a rede. O próprio Victor Daniel ainda quase ampliou, mas, desta vez, o goleiro da Serpente salvou.

Já o FC Cascavel teve uma ótima chance com João Pedro na área logo nos primeiros minutos, mas o goleiro Dalton salvou. A Serpente teve dificuldades na etapa inicial, mas cresceu no segundo tempo. Robinho teve a melhor chance para o empate, mas, o chute de fora da área, ficou no travessão.

A Serpente ainda reclamou de dois pênaltis não marcados. Até que, no último lance da partida, Dalton saiu mal da meta, e a bola sobrou nos pés de João Pedro, que aproveitou para empatar.

| Divulgação / FC Cascavel

"Voltamos melhor no segundo tempo e merecíamos o empate. Feliz pelo gol e feliz pela entrega da equipe. É muito importante para o clube essa final. Estou feliz em poder fazer parte desta história e temos mais 90 minutos para decidir em casa", disse João Pedro à Rede Massa ao fim da partida.

"Infelizmente, aconteceu no último minuto. Vínhamos fazendo um bom jogo, principalmente no primeiro tempo onde tivemos a chance de ampliar. Mas agora é cabeça boa, manter o foco, que tem mais um grande jogo lá em Cascavel", declarou o zagueiro Marcondes, do Londrina.

Márcio Fernandes confia que Londrina pode conquistar a 5ª taça do Paranaense

| Ricardo Chicarelli/ Londrina EC

"Fizemos um bom primeiro tempo e poderíamos ter feito um placar mais dilatado, mas não aproveitamos as oportunidades que apareceram e houve um cansaço. O Vitinho ficou machucado um tempão e voltou no último jogo, sentindo fortes dores no corpo. Com um pouco mais de tranquilidade, poderíamos ter saído com a vitória. O problema foi físico. Nosso time não teve mais a condição de pressionar na frente, e isso fez com que a equipe do Cascavel começasse a dominar o setor", declarou o técnico Márcio Fernandes.

"Hoje, nós tivemos que colocar jogadores que nunca jogaram no profissional. Tem que se ter paciência. Agora, temos que ir para Cascavel e saber que temos condições de sairmos de lá campeões", confia o treinador do Tubarão.

Tcheco comemora empate: "Era o que a gente queria"

| Albari Rosa / Foto Digital /UmDo

"Nossa proposta era, pelo menos, voltar para Cascavel com a igualdade. Nós conseguimos, dentro de uma dramaticidade, o gol no finalzinho, e dentro de um contexto de jogo muito abaixo, principalmente com atitude. No segundo tempo, fizemos uma partida nos nossos padrões. Fomos premiados com esse gol. Levamos para Cascavel um resultado que, no mínimo, era o que a gente queria, para decidir diante do nosso torcedor, no nosso estádio e tentar fazer história", declarou o treinador aurinegro.

"Nenhuma final é fácil. Todas as equipes entram focadas. A gente deixou um pouco a desejar no espírito de competitividade, mas resgatamos no segundo tempo. Nos enche de confiança e é um vestiário alegre", finalizou Tcheco.

Participe da conversa!
0