A escalação de Rafinha como titular surpreendeu na derrota do Coritiba para o Corinthians. O meia-atacante não atuava desde a final do Paranaense, em 5 de agosto, após fraturar o tornozelo e a expectativa era de que ele ficasse no banco.

Rafinha teve atuação discreta e não evitou a terceira derrota seguida no Brasileirão. Mas o retorno do ídolo coxa-branca foi comemorado pelo técnico Rodrigo Santana.

" O Rafinha é um reforço de peso. Esse retorno foi válido porque deu confiança para o Rafinha forçar até um pouco mais no próximo jogo. Fico feliz com o retorno dele. Tenho certeza que vai ajudar muito", avaliou Santana.

Veja a tabela do Brasileirão!

A recuperação de Rafinha foi relativamente rápida. A expectativa era que o atleta de 37 anos retornasse só em dezembro.

"Clinicamente e fisicamente ele estava bem. Pela grandeza jogo, nada como contar com um jogador experiente", explicou Santana.

Participe da conversa!
0