No futebol ucraniano desde a temporada 2011/2012, o meia-atacante Marlos, 33 anos, é uma das apostas da Ucrânia para a Eurocopa 2021, que tem seu início programado para este fim de semana.

Revelado pelo Coritiba, o jogador conquistou a nacionalidade ucraniana ainda na disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Na ocasião, entretanto, o paranaense não conseguiu garantir a classificação do país para o Mundial.

Natural de São José dos Pinhais, Marlos surgiu no futebol profissional em 2006, ao lado de outros nomes conhecidos do torcedor coxa-branca, como Henrique, Pedro Ken e Keirrison. Após algumas temporadas com a camisa alviverde, o meia-atacante se transferiu para o São Paulo, onde era titular absoluto.

+ Veja a tabela da Eurocopa 2021

O bom desempenho pelo clube paulista saltou os olhos do futebol ucraniano e Marlos acabou negociado com o Metalist, em 2012. Desde 2015, o jogador veste a camisa do Shakhtar Donetsk, chegando a ser apontado como destaque do campeonato nacional em algumas temporadas.

Marlos com a camisa da Ucrânia. Foto: Reprodução.
Marlos com a camisa da Ucrânia. Foto: Reprodução.

Ao brilhar no futebol ucraniano, veio o convite para a naturalização. Marlos aceitou e foi protagonista na classificação da seleção para a Eurocopa, que inicia para a Ucrânia no próximo domingo, às 16h (horário de Brasília).

Marlos e a vontade de defender o Athletico

Em uma matéria especial feita pela Tribuna, em 2017, Marlos ainda pensava sobre o convite da naturalização. Na ocasião, o meia-atacante também revelou um sonho especial: vestir a camisa do Athletico.

"Ficaria feliz de um dia fazer parte desse clube, é um clube pelo qual tenho uma simpatia muito grande. É um clube que admiro, acho fantástica a organização e estrutura", disse o jogador na época.

Participe da conversa!
0