O Coritiba garantiu o título da Copa do Brasil de Futebol sub-20 após vencer o Botafogo nos pênaltis no segundo jogo da final da competição. Após nove partidas invictas, o time trouxe para casa um título inédito para o futebol paranaense, e coroou o trabalho das categorias de base do Alto da Glória

Para levar a taça, o caminho percorrido começou em 16 de março, quando o clube abriu a participação no torneio. De cara, a equipe registrou oito gols no primeiro jogo, contra o União Rondonópolis, do Mato Grosso. De lá pra cá, foram cinco vitórias e quatro empates, culminando no êxito na final contra o Botafogo, nos pênaltis.

“Fizemos um trabalho grandioso antes da competição e comprovamos nossa capacidade dentro de campo. Deixamos para trás três finalistas de outras edições, o que mostra a evolução das categorias de base do Coritiba”, disse o lateral-esquerdo e capitão Ângelo, ao Sportv.

Campanha do Coritiba foi repleta de gols e com direito a artilheiro

No total o Coritiba encerrou a competição com 21 gols anotados e nove sofridos, saindo com vitória contra União, Bahia, Atlético-MG, Internacional e Botafogo.

Luizão, autor do gol alviverde no tempo regular na decisão, foi o artilheiro da competição com seis tentos.

“É uma sensação inexplicável, e nossa campanha fala por si só”, destacou o capitão.

O trabalho desenvolvido pelo técnico José Leão destaca o bom trabalho que o time está desenvolvendo com as categorias de base. Internacional e Atlético-MG, equipes que o Coxa enfrentou, foram campeões em 2014 e 2017 respectivamente.

“Muita gente falou que tivemos sorte contra o Bahia e outros confrontos, e hoje contra o Botafogo nós mostramos em campo nossa habilidade”, declarou o volante Diogo Batista.

“Acredito que nossa geração é muito talentosa e comprometida com a camisa do Coritiba, e acredito que vamos render muito para o time num futuro próximo", pontuou Ângelo.

Participe da conversa!
0