colunas e Blogs
Mauro Cezar Pereira
Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira

Opinião

Das marcas de Cristiano Ronaldo e Messi às derrotas do Corinthians e taças do Fla

Por
Mauro Cezar Pereira
23/02/2020 20:10 - Atualizado: 29/09/2023 16:49
Corinthians perdeu mais uma sob o comando de Tiago Nunes
Corinthians perdeu mais uma sob o comando de Tiago Nunes | Foto: Wilian Oliveira/Estadão Conteúdo

Ao completar mil jogos oficiais como jogador profissional de futebol, Cristiano Ronaldo fez seu gol número 725 na carreira. Foi neste sábado, quando a Juventus venceu o SPAL, fora de casa, por 2 a 1, resultado que manteve a equipe em primeiro lugar na Série A do campeonato italiano.

Ao mesmo tempo, a 950 quilômetros dali, Lionel Messi fazia quatro gols no mesmo jogo pela sexta vez em sua história futebolística. Foi nos 5 a 0 sobre o Eibar, pela primeira divisão espanhola. O camisa 10 pisou o gramado do Camp Nou vivendo um jejum de quatro pelejas sem marcar.

Messi anotou quatro contra o Eibar. Foto: Instagram/Lionel Messi
Messi anotou quatro contra o Eibar. Foto: Instagram/Lionel Messi

Ronaldo chegou a 836 jogos de futebol por clubes, fora 164 por seleções. Ele começou no Sporting, em Lisboa, antes de se transferir para o inglês Manchester United, aos 18 anos. Seis temporadas depois, chegou ao Real Madrid, da Espanha, e em 2018 desembarcou na Juventus de Turim.

Houve uma ocasião em que Messi fez cinco gols (contra o Bayer Leverkusen em 2012) na mesma partida e 41 vezes ele balançou mandou três nas redes no mesmo cotejo. Isso pelo Barcelona. Com camisa da Argentina foram seis hat-tricks, ou tripleta. O argentino chegou a 19 tentos contra sua vítima deste sábado.

Cristiano Ronaldo fez 35 anos em 5 de fevereiro. Messi chegará aos 33 em 24 de junho. Os dois desafiam o tempo e seguem quebrando suas próprias marcas, superando barreiras que pareciam impossíveis. Como se nem o tempo fosse capaz de vencê-los. Aproveitemos enquanto o futebol ainda os tem.

Ronaldo completou mil jogos como profissional. Foto: Instagram/Cristiano Ronaldo
Ronaldo completou mil jogos como profissional. Foto: Instagram/Cristiano Ronaldo

***

Tiago Nunes terá mais trabalho do que se esperava no Corinthians. Foto: Jonathan Campos/Gazeta do Povo
Tiago Nunes terá mais trabalho do que se esperava no Corinthians. Foto: Jonathan Campos/Gazeta do Povo

Derrotado pelo modestíssimo Água Santa (2 a 1) no sábado de carnaval, o Corinthians de Tiago Nunes chega a uma marca apavorante nos cinco últimos jogos: três derrotas, um empate e uma vitória. E esse triunfo de nada serviu, foi nos 2 a 1 sobre o Guaraní do Paraguai que eliminou o time da Libertadores.

Em meio à reconstrução do time corintiano, mudando de estilo, além da precoce desclassificação no torneio internacional, resultados fracos e atuações decepcionantes são pedras inesperadas no caminho do ex-treinador do Athletico. Aparentemente sua missão será mais complexa do que parecia inicialmente.

***

Gabigol celebra após mais um título do Flamengo. Crédito: Instagram/Flamengo
Gabigol celebra após mais um título do Flamengo. Crédito: Instagram/Flamengo

Flamengo, com nove reservas na formação inicial, 2 x 1 Boavista. Segundo troféu ganho pelo campeão brasileiro e da Libertadores em seis dias, o primeiro foi o da Supercopa do Brasil, domingo passado, em Brasília, nos 3 a 0 sobre o Athletico. A terceira taça poderá chegar ao time carioca quarta-feira (26).

Se vencer o Independiente Del Valle no Maracanã e ficar com a Recopa Sul-americana, os rubro-negros do Rio de Janeiro terão três troféus ganhos em dez dias. E Jorge Jesus chegará à sua quinta taça à frente da equipe em pouco mais de oito meses de trabalho. Ao todo, o Flamengo poderá ganhar até nove em 2020.

Veja também:
Copa do Brasil: sorteio define confrontos da terceira fase
Copa do Brasil: sorteio define confrontos da terceira fase
Quem pega quem? Assista ao sorteio da Copa do Brasil AO VIVO
Quem pega quem? Assista ao sorteio da Copa do Brasil AO VIVO
Paraná vai encarar rivais com novas SAFs de ex-Coritiba, cantor e pentacampeão
Paraná vai encarar rivais com novas SAFs de ex-Coritiba, cantor e pentacampeão
Coritiba só venceu a Ponte Preta em Campinas uma vez há quase 20 anos
Coritiba só venceu a Ponte Preta em Campinas uma vez há quase 20 anos
participe da conversa
compartilhe
Encontrou algo errado na matéria?
Avise-nos
+ Notícias sobre Mauro Cezar Pereira
Athletico pagou caro por não ter estratégias. E foi goleado pelo Galo nas finais
Análise

Athletico pagou caro por não ter estratégias. E foi goleado pelo Galo nas finais

Muricy, o áudio vazado e a defesa da gestão inconsequente do Corinthians
Análise

Muricy, o áudio vazado e a defesa da gestão inconsequente do Corinthians

Alemanha e Inglaterra sofrem com os antivacina e o vírus volta forte ao futebol
Análise

Alemanha e Inglaterra sofrem com os antivacina e o vírus volta forte ao futebol