Dentro do UFC, é inegável a superioridade da baiana Amanda Nunes e da quirguistanesa Valentina Shevchenko. As duas dominam suas respectivas categorias há anos. A Leoa é campeã peso-galo e peso-pena, enquanto a gringa é detentora do cinturão peso-mosca.

Elas já se enfrentaram duas vezes. Em ambas, a vitória foi dada para Amanda. Porém, os dois triunfos foram conquistados na decisão dos árbitros, o que mostra um certo equilíbrio quando as duas se encontram.

Amanda não perde um confronto desde 2014. De lá pra cá, foram 12 vitórias da brasileira, sendo alguma épicas, como contra Ronda Rousey, Cris Cyborg e Holly Holm. Já Valentina sofreu a sua última derrota em 2017, justamente para a Leoa. Foram sete vitórias neste período, sendo a última conquistada no último dia 24, contra Jéssica Andrade.

Apesar de Amanda ter duelo marcado contra Julianna Pena, pelo UFC 265, em agosto - o que deve ser mais um confronto tranquilo para a brasileira -, é inevitável a trilogia contra Valentina seja até o final deste ano ou na temporada 2022. E seria o mais correto a se fazer.

Participe da conversa!
0