Campeão espanhol com o Atlético de Madrid no último fim de semana, o lateral-esquerdo Renan Lodi fez história logo em sua segunda temporada na Europa.

O título, além de encher de orgulho os torcedores de seu ex-time, o Athletico, também trouxe uma dúvida nas redes sociais: o Furacão recebe algum bônus contratual pela conquista?

A resposta é não. A reportagem do UmDois Esportes checou a situação com fontes ligadas ao atleta e a conquista da La Liga não está entre as metas previamente acordadas na venda do jogador, em junho de 2019.

Negociado por 20 milhões de euros (R$ 85 milhões na época), Lodi tem três gatilhos contratuais que podem render dinheiro ao Athletico.

  • 250 mil euros a cada 25 partidas pelo Atletico de Madrid (mínimo 45 minutos cada). Máximo de 100 jogos.
  • 1 milhão de euros quando completar 5 partidas oficiais pela seleção brasileira (mínimo de 45 minutos cada).
  • 250 mil euros pela classificação às quartas de final da Liga dos Campeões.

Ou seja o Furacão já recebeu 750 mil euros em metas completadas pelo lateral. Ele já atuou 56 jogos com mínimo de tempo estipulado, além de já ter alcançado as quartas de final da Champions League na atual temporada.

Outra meta está bem próxima. Renan Lodi já fez quatro partidas sob o comando de Tite na seleção e foi convocado para as partidas de estreia das Eliminatórias, no início de junho. Ou seja, com mais 45 minutos em campo, mais 1 milhão de euros na conta de seu antigo clube.

Participe da conversa!
0