Mesclar jogadores experientes com os novatos. Esta é a estratégia que o técnico Bruno Lazaroni, que comanda o time de aspirantes do Athletico, vem tentando utilizar para escalar sua equipe no estadual. Porém, nem sempre tem sido possível.

"A equipe principal disputando a Sulamericana vai ter sempre prioridade”, lembrou o treinador após a derrota por 1 a 0 para o Azuriz, nesta segunda-feira.

Para esta partida, o treinador só pode contar com o reforço do volante Jaime Alvarado, que ajudou o sistema defensivo atleticano, e atuou improvisado na zaga por opção de Lazaroni.

"A entrada do Alvarado foi justamente porque no último jogo ele foi nesta função pra dar experiência ao setor. Contra o Operário, por exemplo, com dois zagueiros muito jovens foi complicado”, completou Lazaroni.

"Foi uma experiência muito boa. Um jogador de bastante qualidade, independe da posição que for jogar vai dar o máximo. Gostei muito de jogar ao lado dele”, analisou o zagueiro Luan Patrick, ao ser questionado sobre a atuação ao lado de Alvarado.

Por isso Felipe Aguilar volta ao grupo principal, assim como o meia Denner, que ganhou uma oportunidade com António Oliveira. Os três foram titulares na vitória sobre o Tricolor por 1 a 0.

Outros nomes que vinham reforçando o grupo de Bruno Lazaroni também deixaram de ser opção para esta partida contra o Azuriz, como o lateral-direito Khellven e o zagueiro Zé Ivaldo.

Nesta terça-feira (4), o Furacão enfrenta o Melgar, em Lima, no Peru. O adversário tem os mesmos seis pontos em dois jogos e está à frente pelo saldo de gols (3 a 2).

Participe da conversa!
0