O mercado da bola é diferente para o Athletico em 2021. O clube não pode fazer contratações até julho, mas não deixa de se movimentar buscando alternativas de reforços.

Por isso, o Furacão aposta no retorno de atletas emprestados e jogadores da base e na manutenção do elenco para formar o time do primeiro semestre.

Desde outubro de 2020, o Rubro-Negro cumpre punição aplicada pela Fifa pela contratação irregular de Rony, quando o atacante atuava no Albirex, do Japão. A punição vale para mercado nacional e internacional. O clube entrou com recurso na Comissão Arbitral do Esportes para tentar diminuir a punição e poder voltar a contratar antes do período estipulado para pena.

Veja quem chega e quem sai do Athletico no mercado da bola

Siga as contratações dos clubes brasileiros; clique!

O Mercado da Bola está quente com a nova temporada do futebol brasileiro, em 2021. Negociações, sondagens, contratações, vendas, você acompanha todos os detalhes de Athletico, Coritiba e Paraná e os clubes que vão disputar a Série A.

Quem chegou para o seu time, quem saiu para outra equipe, quem renovou contrato, quem está na mira do seu clube, aquele jogador que pode sair ou até mesmo ampliar o vínculo e, ainda, quem voltou de empréstimo.

Você pode filtrar o vai e vem do Mercado da Bola por time ou por status da negociação. O monitoramento é feito em tempo real e leva em consideração a confirmação do clube para decretar a contratação de forma oficial.

Confira também as principais notícias sobre futebol brasileiro e mercado da bola!

Athletico ganha queda de braço e Paranaense terá streaming dos próprios clubes

Com transmissão de apenas um jogo por rodada na TV aberta, o Campeonato Paranaense volta ao streaming a partir deste sábado (27), na estreia do torneio.

Mas ao invés da plataforma DAZN, que exibiu a temporada passada de forma exclusiva, desta vez os jogos podem ser transmitidos pelos próprios clubes, segundo apurou o UmDois Esportes.

A situação se definiu apenas nessa terça-feira (23) e tem relação direta com a assinatura de contrato entre a Federação Paranaense de Futebol (FPF), os 12 clubes participantes e a Rede Massa, que pagará R$ 4,8 milhões (R$ 400 mil por clube) para mostrar o Estadual.

O acordo foi modificado de última hora, por causa do Athletico, que requisitou cláusulas liberando o streaming próprio. Um aditivo contratual foi feito e a última assinatura faltante, do Coritiba, será dada na manhã desta quarta-feira (24). À tarde, o campeonato será oficializado na emissora do apresentador Ratinho, afiliada do SBT do estado.

A mudança no contrato implica na liberação do streaming para os times mandantes que assinarem o adendo. No entanto, caso algum clube não tenha condição de realizar a transmissão, é possível um acordo para que o visitante faça a exibição pela internet.

Participe da conversa!
0