Brasileirão

Autuori justifica baixa produção ofensiva do Athletico e vê oscilação como natural

Paulo Autuori no Atletiba
Paulo Autuori não gostou do ataque, mas enalteceu a evolução do Athletico, principalmente nos últimos jogos.| Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois Esportes
  • PorMonique Silva, especial para o UmDois Esportes
  • 09/01/2021 22:45

O Athletico ficou no empate em 0 a 0 com o Coritiba, neste sábado (9), pela 29ª rodada do Brasileirão, resultado que freou a sequência de três vitórias consecutivas da equipe. O técnico Paulo Autuori avaliou que o clássico não foi bom entre os rivais e admitiu a baixa produção ofensiva do Furacão, que teve apenas uma finalização a gol, segundo números do SofaScore.

"Não pudemos explorar o jogo entre as linhas. Não estivemos em um bom dia, não jogamos bem e é natural em um campeonato como esse, haja vista a oscilação que todas as equipes estão passando. E era um clássico, né. Quantos clássicos a gente já viu onde não se joga futebol como se gostaria, pelo nível competitivo. Faltou mais clarividência para nós, que fez a gente não ter a produção ofensiva como gostaríamos", disse ele, em entrevista coletiva.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Por outro lado, o treinador pontuou que o Rubro-Negro teve aproveitamento de 83% dos últimos quatro jogos. A equipe conquistou dez dos 12 pontos disputados.

"(O empate) Pra mim não muda nada. Eu vejo a situação e um contexto muito maior. Há 12 jogos nós estávamos em uma posição muito difícil e hoje a equipe vem nesse segundo turno com a segunda melhor campanha. Nem sempre vai fazer bons jogos. Encaro com naturalidade", disse Autuori.

"Nós estamos vendo muita oscilação de qualidade, jogo e resultado no Brasileiro, um campeonato difícil e a gente sabe perfeitamente o que temos que fazer. Ainda faltam nove jogos, muita água para rolar debaixo dessa ponte. É continuar com a mesma dedicação, sabendo que vamos enfrentar equipes com outra perspectiva" completou.

Autuori elogia postura do Coritiba

Após a partida o técnico também destacou a estratégia do Coritiba, lanterna do Brasileirão.

"O adversário interpretou bem aquilo que propôs. Tiraram toda a amplitude do jogo, jogaram com as linhas muito baixas e a gente não pode acelerar o jogo como queríamos e chegar no último terço para estar mais próximo da área e finalizar".

O Athletico volta a campo contra o São Paulo, no domingo (17), às 16h, na Arena da Baixada, pela 30ª rodada do Brasileirão.

Participe da conversa!
0

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.