Sílvio Criciúma foi o único do Paraná a falar após mais uma derrota na Série C. O técnico lamentou o atual momento vivido pelo time - que foi derrotado pelo São José-RS no último domingo (29) e ficou ainda mais perto da Série D - e citou alguns dos problemas que tem enfrentado para tentar fazer a equipe reagir, como salários atrasados e elenco limitado.

“Eu tinha uma expectativa quando cheguei, principalmente do salário em dia. E isso não aconteceu. A condução do ambiente com o salário em dia é mais fácil. O atrasado traz desconfiança. Reforços, como vamos reforçar se não tem a questão financeira em dia? São situações bem difíceis, que não vou ficar achando desculpas”, declarou o treinador, em entrevista à Rádio Banda B.

“Estou disposto a buscar as alternativas com a limitação técnica e de quantidade, porque nosso grupo está mínimo. Temos 22 atletas inscritos, e agora perdemos dois. Acho que nestes, são três goleiros, e a questão do Gabriel Correia, que eu achei que poderia contar com ele, mas agora eu não vou me esconder”, acrescentou. O Paraná ainda perdeu Kriguer e Gustavinho expulsos na partida.

+ Veja como foi o jogo

Contra o São José-RS, o Paraná voltou a sair atrás no placar, algo que tem se tornado uma constante nos jogos do time na Série C. Até aqui, em 14 jogos disputados, a equipe paranista ainda não conseguiu vencer algum adversário depois de levar o primeiro gol no jogo.

“São 14 jogos completados. Só em dois deles saiu na frente [São José e Mirassol]. Os dois jogos foram as duas vitórias. Nos outros jogos, todos, o Paraná saiu atrás, empatando um jogo contra o Ypiranga e contra o Figueirense. Sair atrás é muito difícil e está sendo uma constante”, analisou Sílvio Criciúma.

“Prezei muito por isso, que a gente tivesse uma segurança defensiva maior porque era um dos itens a serem superados, não tomar gol. É meu quinto jogo e o quinto jogo que não toma gol. Os números estão muito pesados retratando o atual momento. É uma triste realidade, mas não foi por falta de luta”, completou.

O Paraná agora volta aos gramados no próximo sábado (4), quando recebe o Criciúma no Durival Britto, às 19h (de Brasília), pela 15ª rodada da Série C.

Participe da conversa!
0