O 1º pregão do leilão da sede da Kennedy, do Paraná Clube, terminou sem nenhum lance nesta quarta-feira (9). O leilão foi de forma virtual, e o imóvel teve valor inicial era de R$ 62.399.975,00 milhões.

Com a falta de interessados, um 2º pregão será realizado em 23 de março. No entanto, o valor inicial pode sofrer um "desconto" de até 40%. Ou seja, pode chegar até R$ 37.439.985,00 milhões.

O débito do Paraná com o Banco Central do Brasil (Bacen) hoje é de R$ 35.103.796,14 milhões, atualizado até novembro de 2021. A sede da Kennedy está sendo leiloada pelo site Marangoni Leilões. Veja aqui.

"O segundo pregão terá início após o encerramento da primeira praça, acaso não sejam ofertados lances, e se encerrará a partir das 14 horas do dia 23 de março de 2022, sendo o bem vendido a quem mais oferecer, não sendo aceito lance inferior a 60% (sessenta por cento) do valor da avaliação", diz o trecho do edital do leilão da sede da Kennedy.

O jurídico do Paraná segue tentando evitar que o local seja arrematado e ganhou mais duas semanas para seguir na sua tese. "Isso era o esperado. Continuamos trabalhando", resumiu o advogado responsável pelo caso, Alceu Moraes Junior, do escritório Moraes & Junior, de Brasília.

Participe da conversa!
0