Série B

Paraná deve ter novidades e estreias contra o Figueirense: confira provável time

Principal novidade do Paraná contra o Figueirense estará no banco de reservas, com a estreia do técnico Gilmar Dal Pozzo.
Principal novidade do Paraná contra o Figueirense estará no banco de reservas, com a estreia do técnico Gilmar Dal Pozzo.| Foto: Divulgação/Paraná Clube
  • PorAndré Ribas, especial para o UmDois Esportes
  • 08/12/2020 15:00

O Paraná terá novidades para o jogo decisivo contra o Figueirense, nesta quarta-feira (9), às 19h15, na Vila Capanema,  pela 27ª rodada da Série B. O duelo é crucial para o clube se afastar da zona de rebaixamento da competição.

Além do técnico Gilmar Dal Pozzo, que fará sua estreia, o Tricolor conta com o retorno de três jogadores para o confronto. O zagueiro Philipe Maia, o meia Thiago Alves e o atacante Andrey, que cumpriram suspensão contra a Ponte Preta, estão à disposição do treinador.

"Eu treinei duas formações: linha de cinco e o meio com três volantes, que atuamos contra a Ponte Preta. Lá só não tivemos a transição, então procurei trabalhar nisso para agredir o adversário. Nesse momento, a nossa preocupação é fazer um jogo seguro", disse Dal Pozzo em sua apresentação.

+ Confira a classificação da Série B 2020!

Dúvidas e reforços no Paraná contra o Figueirense

No departamento médico, o Paraná tem três dúvidas. Os laterais-direitos Paulo Henrique e Toninho, além do atacante Bruno Gomes, estão em fase de transição e podem aparecer para o confronto.

Com os nomes no BID, o experiente goleiro Renan, ex-Pelotas, e o atacante de lado de campo Andrew, ex-Criciúma, treinaram com o elenco e devem estar entre os relacionados. Renan tem uma maior probabilidade de ser titular.

Casos de Covid-19

Em contrapartida, Dal Pozzo segue sem poder contar com seis atletas que testaram positivo para Covid-19 e estão isolados, os zagueiros Fabrício, Salazar e Guilherme Lacerda, o lateral-esquerdo Jean Victor e os atacantes Bruno Lopes e Matheus Matias.

O provável Tricolor pode ter três zagueiros, com uma linha de cinco atrás, ou uma formação parecida com a do último duelo, contra a Ponte Preta, com três volantes.

Assim, o time paranista pode ser escalado com: Renan; Kaio (Paulo Henrique), Rafael Lima, Hurtado e Juninho; Karl, Higor Meritão , Jhonny Douglas e Renan Bressan; Vitinho (Andrew) e Wadson (Bruno Gomes).

Participe da conversa!
0

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.