O goleiro Renan é a principal novidade do Paraná para o jogo diante do Botafogo-SP, nesta segunda-feira (4), às 17h, em duelo válido pela 32ª rodada da Série B, na Vila Capanema. Ameaçado pelo rebaixamento à Série C, o Tricolor trata o duelo como uma decisão.

Com uma lesão muscular, Renan saiu machucado do jogo diante do Brasil-RS, no dia 21 de dezembro, e ficou de fora da partida com a Chapecoense, na última rodada. Recuperado, ele será titular na vaga de Alisson, que deve ser opção no banco de reservas.

Não deve ser a única mudança na equipe de Gilmar Dal Pozzo. Ante a Chape, o treinador apostou em Philipe Maia, improvisado de volante, e Wandson no ataque. Para o duelo de segunda-feira (4), o meia-atacante Thiago Alves e o atacante Bruno Gomes devem ganhar espaço no time titular.

Por outro lado, o Tricolor não conta com o volante Luan, que está no departamento médico do clube, e com Kaio, expulso no último confronto.

Veja a provável escalação do Paraná:

Renan; Paulo Henrique, Rafael Lima, Fabrício e Jean Victor; Karl, Thiago Alves (Philipe Maia), Higor Meritão e Renan Bressan; Bruno Gomes (Wandson) e Andrey.

Técnico diz que jogo contra Botafogo-SP é “vida ou morte” para o Paraná

O técnico Gilmar Dal Pozzo trata a partida contra o Botafogo-SP, vice-lanterna da Série B, como "vida ou morte" para o Paraná na temporada. O confronto, marcado para a próxima segunda-feira (4), na Vila Capanema, é direto contra um rival da zona de rebaixamento.

“Vai ser uma guerra, é vida ou morte. É decisão, é dessa forma que vamos enfrentar. Agora não tem mais margem para erro. Para entrar de novo na busca pelo objetivo, temos que vencer. Um fim de ano triste, mas temos que buscar a solução”, disse o treinador, em coletiva à Rádio Banda B, após a derrota por 2 a 0 para a Chapecoense, nessa segunda-feira (28).

Participe da conversa!
0