A torcida organizada do Paraná, Fúria Independente, cobrou o elenco e comissão técnica do Paraná na manhã deste sábado (19), na Vila Capanema.

Lanterna do Paranaense, o Tricolor entra em campo no domingo (20), às 16h, contra o rival Coritiba, em jogo de vida ou morte.

A própria diretoria do Paraná, comandada pelo presidente Rubens Ferreira, permitiu o acesso da Fúria Independente ao gramado do estádio.

Confira a classificação do Campeonato Paranaense

O clube ainda informa que as conversas foram em tom de "apoio e cobrança". Recentemente, após a derrota por 3 a 0 para o Operário na Vila, a organizada do Tricolor protestou após o jogo. Já o presidente Rubão revelou, após o duelo, que vinha recebendo ameaças.

As cobranças representam uma mudança da Fúria na relação com a diretoria do clube. Na gestão do presidente anterior, Leonardo Oliveira, a organizada apoiava a gestão de maneira praticamente incondicional, mesmo diante do rebaixamento da Série A para a Série B e, na sequência, para a Série C.

Participe da conversa!
0