Com apenas uma vitória em quatro jogos na disputa da Série D, o Paraná deu um salto na classificação do Grupo 7 e assumiu a vice-liderança, com seis pontos, atrás apenas do São Bernardo, que está no topo da tabela, com oito.

O equilíbrio da chave foi exaltado pelo técnico Omar Feitosa, em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (12), na Vila Capanema.

"Quando você vê os resultados, você não vê essa disparidade entre as equipes. O São Bernardo está dando uma 'escapada' pelo poder financeiro. Mas, temos um grupo forte e estamos acreditando bastante. Está tudo muito equilibrado", disse o treinador, já de olho no próximo compromisso.

+ Confira a tabela da Série D

O Tricolor enfrenta o Perólas Negras, neste domingo (15), às 15h, no Estádio do Trabalhador, em Resende-RJ. Para a partida, o técnico volta a contar com o zagueiro Dirceu. No entanto, por conta do bom desempenho de Odivan no último duelo, fica a dúvida entre os dois atletas na defesa.

Quem deve ter vaga garantida é o atacante Everton Brito. Uma das novidades na formação do Paraná contra a Portuguesa-RJ, o jogador foi um dos destaques do confronto e deve continuar no setor ofensivo. "Fico feliz por poder ajudar, pois eu vinha de um tempo parado. Ter uma sequência para um jogador é fundamental", comemorou o atacante.

Everton Brito.
Everton Brito.| ATILA ALBERTI

"Não podemos reclamar", destaca Omar Feitosa

Para a partida contra o Perólas Negras, a delegação paranista viaja nesta sexta-feira (13) de ônibus até o Rio de Janeiro. Serão cerca de 680 quilômetros e mais de nove horas de viagem. Apesar do horário do confronto - 15h -, o clima deverá estar ameno - previsão entre 17 e 23 graus.

Segundo Omar Feitosa, o Paraná não deve reclamar dos fatores extra-campo para essa partida. "Nós temos como obrigação não reclamar do sol, da distância, do gramado. Temos que nos adaptar rápido e jogar conforme o jogo nos proporciona", conclui o treinador.

Participe da conversa!
0