Na estreia do técnico Márcio Coelho, o Paraná perdeu de virada, por 2 a 1, para o Náutico em uma noite inspirada do goleiro Renan. Nesta sexta-feira (8), em jogo importante na luta contra o rebaixamento, o Tricolor marcou primeiro, contou com duas defesas de pênalti do camisa 1, mas não conseguiu evitar o revés nos Aflitos, em Recife.

Com o resultado o time segue com 33 pontos e se complicada cada vez mais. Restam apenas cinco partidas para o fim da Série B e o Paraná precisa de 12 pontos (de 15 em disputa), para evitar a queda à Série C. O próximo compromisso da equipe paranista será diante do CSA, na terça-feira (12), na Vila Capanema.

Confira a classificação completa da Série B

O Paraná saiu na frente. Aos 16 minutos, Renan Bressan cobrou falta, Hurtado ganhou do marcador e chegou com o pé alto, para empurrar para o fundo da rede. Aos 33, Philipe Maia derrubou Kieza na área e o árbitro assinalou pênalti a favor do Timbu. O próprio Kieza foi para a cobrança, fez uma paradinha e mandou no lado direito. O goleiro Renan caiu no canto certo e afastou a bola.

Porém, o Tricolor não teve tempo de comemorar. Aos 36 minutos, o próprio Kieza recebeu na direita, chutou cruzado alto e a bomba entrou, empatando a partida.

Veja como foi o jogo entre Náutico e Paraná

Na segunda etapa, Kieza foi novamente derrubado na área e o Timbu teve novo pênalti assinalado. O jogador avançava pela direita, recebeu um toque de Fabrício, mas não caiu e ficou frente a frente com o goleiro Renan, que acabou derrubando o atacante.

Jean Carlos foi para a cobrança, aos 10 minutos, chutou forte no alto e Renan operou o segundo milagre da noite. Com o braço firme, ele afastou a bola. Entretanto, não houve motivo para que o Tricolor se tranquilizasse. Aos 18, Erick recebeu de Vinícius, chutou firme e decretou a virada dos donos da casa. O Paraná tem apenas uma vitória nos últimos 15 jogos.

Ficha técnica

SÉRIE B

33ª rodada

8/1/2021

NÁUTICO 2X1 PARANÁ

Náutico

Anderson; Bryan, Carlão, Camutanga e Igor Miranda (Renan Foguinho); Rhaldney, Matheus Trindade (Jhonnatan) e Jean Carlos (Ruy); Vinícius (Marcos Vinícius), Erick (Jorge Henrique) e Kieza.
Técnico: Marcelo Rocha (interino).

Paraná

Renan; Andrew, Philipe Maia, Fabrício e Hurtado (Guilherme Biteco); Higor Meritão, Gabriel Pires (Juninho), Renan Bressan, Thiago Alves (Gabriel Kazu) e Andrey (Jean Victor); Bruno Lopes (Bruno Gomes).
Técnico: Márcio Coelho.

Gols: Hurtado,16, Kieza, 37 do 1º, Erick, 18 do 2º
Cartões amarelos: Bryan, Erick, Rhaldney, Marcos Vinícius (NAU); Philipe Maia, Gabriel Pires, Hurtado, Renan (PRC)

Local: Aflitos (Recife)
Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Fernando Gomes da Silva (TO).

Participe da conversa!
0