Zagueiro Wallace, do Vitória
Zagueiro Wallace, do Vitória| Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória

O zagueiro Wallace, do Vitória, desabafou após a eliminação da equipe na primeira fase do Campeonato Baiano. O jogador criticou o que seria uma “cultura de se apequenar” do time rubro-negro nos últimos anos. Em meio às críticas, comparou o cenário do Vitória ao de outras equipes brasileiras, Paraná e Criciúma.

“Espero que, a partir de amanhã, a gente faça uma reflexão profunda e mude. Porque, nesses últimos anos, estou com muito medo que a gente se torne um Criciúma, um Paraná, porque, pelo jeito, a gente está galgando este mesmo caminho”, declarou à TVE.

Wallace ainda disse que o Vitória não demonstra condições de disputar a Série B com chance de acesso. “O que é que vou falar? Sentimento de ira, de frustração e, acima de tudo, vergonha”, continuou. “Com todo respeito ao Fluminense de Feira, a gente fala em questão de orçamento, a gente com dois, três atletas, talvez pague a folha dos caras. E a gente não consegue ganhar dentro de casa”, emendou.