O Cianorte se complicou na Copa do Brasil ao ser derrotado por 2 a 0 pelo Santos, nesta terça-feira (1º), no Albino Turbay, pela ida da terceira fase da Copa do Brasil. Acuado e com poucas jogadas, o Leão do Vale foi pressionado a maior parte do tempo e escapou de sair de campo goleado.

Agora, para se classificar, o time do interior terá que vencer por, no mínimo, três gols de diferença a partida de volta, que acontece na próxima terça-feira (8), na Vila Belmiro. Se ganhar por dois gols, a decisão da vaga vai para os pênaltis.

+ Confira todos os confrontos da Copa do Brasil e como chegaram Cianore e Santos até aqui

O jogo começou com os ânimos exaltados. Logo no primeiro minuto, Marinho foi derrubado na área em dividida com Maurício e os jogadores do Santos reclamaram muito de pênalti, mas a arbitragem mandou seguir o lance.

O Peixe, inclusive, era dono do confronto. Ofensivo, o time ia para cima e chegava constantemente à área, acuando o Cianorte, que pouco conseguia trabalhar as jogadas. No entanto, a pressão não se refletia em oportunidades de gol.

Até que, aos 23, os donos da casa não suportaram o abafa e viram o Santos abrir o placar. Apos cruzamento na área, Luan Peres ficou com a sobra e arriscou de fora da área. Bruno espalmou e Kaio Jorge, sozinho na área, só chutou para o fundo das redes.

Pouco depois, por pouco não saiu o segundo do time paulista. Em rápida jogada, Marinho recebeu passe de calcanhar de Lucas Braga dentro da área e finalizou, mas Bruno conseguiu fazer a defesa.

Santos seguiu dominando no segundo tempo e Cianorte pouco fez

No segundo tempo, o Santos continuou dominando o confronto e chegando mais ao ataque, desperdiçando boas chances. O Cianorte, no entanto, não recuava tanto e conseguia trocar mais passes, porém sendo pouco efetivo, mas com a primeira finalização aos 14, em chute de Rael, que parou nas mãos do goleiro John.

Mas foi pouco que o Leão do Vale fez. Errando muito, os donos da casa permitiam que o Peixe criasse - e desperdiçasse - chances incríveis. Aos 18, chegou a balançar as redes com Luiz Felipe, mas o gol foi anulado por impedimento. No minuto seguinte, o Santos roubou a bola na saísa do Cianorte, mas Marinho parou na defesa do goleiro.

Bruno, aliás, salvou o Leão de uma goleada. Aos 33, ele fez um milagre em chute de Marcos Guilherme. O meia recebeu cruzamento de Jean Mota e bateu de primeira. Bruno defendeu e viu a bola ainda bater na trave.

Só que depois o Santos, enfim, chegou ao segundo gol. Em jogada de velocidade, Kaio Jorge entrou na área pela direita e tocou para Marinho, que vinha de trás, dominar e chutar, decretando o placar final.

Ficha técnica

COPA DO BRASIL
3ª fase - Jogo de ida
01/06/2021

CIANORTE 0x2 SANTOS

Cianorte
Bruno; Michel, Vitor, Maurício e Rael; Zé Vitor (Sávio), Morelli e Erick Salles (Buba); Calabrês (Rafael Carvalheira), Pachu (Wilson Júnior) e Léo Porto (Tales).
Técnico: João Burse

Santos
John Victor; Pará, Luis Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alisson, Jean Mota e Gabriel Pirani (Marcos Guilherme); Marinho (Ângelo), Lucas Braga (Vinícius Balieiro) e Kaio Jorge (Marcos Leonardo).
Técnico: Fernando Diniz

Local: Estádio Albino Turbay (Cianorte)
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Jucimar dos Santos Dias (BA) e José Carlos Oliveira dos Santos (BA)
Gols: Kaio Jorge, 23 do 1º; Marinho, 34 do 2º
Cartões amarelos: Rael, Zé Vitor, Léo Porto, Vitor (CIA); Luiz Felipe (SAN)

Participe da conversa!
0