O torcedor do Palmeiras que esteve envolvido na confusão entre torcedores do time paulista e do Coritiba, na noite de domingo (12), durante o jogo no Couto Pereira, não resistiu e faleceu nesta segunda-feira (13).

Após uma briga generalizada no entorno do estádio, o palmeirense foi encaminhado ao Hospital Universitário Cajuru. O homem de 25 anos estava intubado, mas a gravidade se deu por conta de um quadro de diabetes.

Inclusive, de acordo com nota da Demafe (Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos), o falecimento se deu por causa da diabetes e não por agressões. Segundo a postagem, foram feitos vários exames e não foram encontradas lesões corporais em decorrência de possíveis agressões.

O torcedor teve, no meio da confusão, um mal súbito em virtude de um pico de glicemia e sofreu uma parada cardíaca.

Entenda mais sobre a briga entre torcedores de Coritiba e Palmeiras

Para conter uma confusão entre torcidas nas ruas do entorno da praça esportiva, a Polícia Militar precisou utilizar spray de pimenta e o efeito se espalhou, inclusive, para torcedores que estavam dentro do Couto Pereira.

A briga teria envolvido organizadas das duas equipes. A torcida do Palmeiras, inclusive, sequer teria entrado no estádio. Além do spray de pimenta, a PM teria utilizado tiros com balas de borracha e apoio da cavalaria.

Participe da conversa!
0