Apesar da pesada sequência de jogos, o Coritiba deve ir com força máxima para encarar o Rio Branco, neste sábado (15), às 11h30, na Estradinha, pela 11ª rodada do Campeonato Paranaense. O Coxa não pode perder para se classificar para a segunda fase sem depender de outros resultados.

Por conta da falta de tempo para treinar, o técnico Gustavo Morínigo não realizou um trabalho coletivo na manhã desta sexta-feira (14), na última atividade antes da partida. Porém, não deve fugir da formação que empatou por 1 a 1 com o Cianorte, na última quarta-feira (12), também em Paranaguá.

+ Confira a classificação completa do Paranaense e as situações de Coritiba e Rio Branco

As principais novidades são as voltas do zagueiro Luciano Castán e do lateral-esquerdo Romário, que estavam suspensos. Outra mudança, pode ocorrer no meio-campo.

Na ocasião, o Alviverde jogou com um meio mais fechado, com três volantes - Willian Farias, Matheus Sales e Val -. A dúvida para enfrentar o Leão da Estradinha é se mantém esse sistema mais marcador, ou se Igor Paixão retoma a posição entre os titulares, formando novamente o quarteto ofensivo com Rafinha, Waguininho e Léo Gamalho.

Assim, o Coritiba deve ir a campo com Wilson; Igor, Luciano Castán, Wellington Carvalho e Romário; Willian Farias, Val e Matheus Sales (Igor Paixão); Rafinha, Waguininho e Léo Gamalho.

O Coxa é o sexto colocado na tabela do Paranaense, com 14 pontos. Um empate é o suficiente para garantir a vaga no G8. Se ganhar, pode terminar até na segunda colocação.

Participe da conversa!
0