O lateral-direito Dodô, revelado pelo Coritiba, voltará a treinar no clube a partir desta terça-feira (8), cinco anos depois de deixar o CT da Graciosa. O jogador de 23 anos tem contrato com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, mas teve o vínculo suspenso por decisão da Fifa por causa da guerra com a Rússia.

Dodô, portanto, é considerado um atleta sem contrato até 30 de junho e pode assinar com qualquer equipe. Ele interessa a alguns times brasileiros, como Flamengo e Fluminense, que teriam até 7 de abril para registrá-lo. A informação foi publicada pelo ge.globo e confirmada pelo UmDois Esportes.

A diretoria coxa-branca, por outro lado, sequer cogita um eventual retorno de Dodô por causa da realidade financeira do lateral e apenas disponibilizou sua estrutura para o prata da casa utilizar enquanto define o futuro.

No ano passado, o jogador recebeu propostas do Tottenham, da Inglaterra, e do Bayern de Munique, da Alemanha, ambas recusadas pelo Shakhtar, que comprou Dodô por 2 milhões de euros em dezembro de 2017.

Participe da conversa!
0