O diretor de futebol do Coritiba, Paulo Pelaipe, está de volta ao dia a dia do clube. Após ficar 47 dias no hospital se recuperando da Covid-19, o dirigente esteve, pela primeira vez, presencialmente no CT da Graciosa, nesta quarta-feira (16).

Internado em outubro, Pelaipe, aos 69 anos, precisou ir para a UTI do hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, mas, após seu quadro ser mais delicado, se recuperou e recebeu alta no dia 24 de novembro.

Confira a classificação do Brasileirão 2020

Desde que recebeu alta, o dirigente vinha trabalhando de casa, de forma on-line, sem ainda ter encontrado os jogadores. Nesta quarta-feira (16), Pelaipe voltou a ter contato com o grupo e com o técnico interino Pachequinho.

Contratado em agosto para assumir o futebol do clube, o dirigente, ex-Flamengo, está em sua segunda passagem no Coritiba e tem como principal objetivo a permanência do clube na elite do futebol brasileiro.

Com as eleições marcadas para o dia 29 de dezembro, Pelaipe segue com seu futuro indefinido à frente do Coxa. Hoje, a equipe está na zona de rebaixamento do Brasileirão, com 21 pontos, a sete do primeiro time fora, o Bahia.

Participe da conversa!
0