O diretor de marketing do Coritiba, Rafael Saling, comunicou nesta terça-feira (5) sua saída do clube após quase dois anos. Contratado em março de 2019 pelo então presidente Samir Namur, o profissional fez uma série de postagens no Twitter falando sobre o cenário do Coxa, agora comandado por Renato Follador.

"O Coritiba é realmente um vovô hoje em dia. Um querido e amável Vovô. Já ganhou muito, já teve boa vida... mas hoje, está com sua renda limitada e ainda ofereceram um cartão de crédito, um empréstimo e possui diversos netos [egoístas] que a toda hora tiram uma lasca do velhinho", escreveu Saling, que descreveu o cenário atual como um "castelo de cartas".

Com 11 anos de experiência no Internacional antes de assumir o Alviverde, Saling também destacou que a realidade coxa-branca, enquanto estiver com faturamento na faixa de R$ 100 milhões, é brigar contra o rebaixamento.

"Enquanto não houver o equilíbrio financeiro necessário, vai viver em constantes agonias... Essa é a realidade e é preciso encontrar o melhor caminho, o diferencial competitivo para ser ali na frente vencedor. Torcerei para que tudo de certo", completou.

Participe da conversa!
0