O técnico Gustavo Morínigo detonou - com razão - a atuação do Coritiba diante do Atlético-GO. O comandante alviverde criticou a apatia, a lentidão, as "más decisões" e o excesso de erros da equipe na derrota por 2 a 0 deste sábado (21), no estádio Antônio Accioly, pela sétima rodada do Brasileirão.

"Erramos muito. Erramos laterais, coisa que nunca havia acontecido, erramos na definição final. Fomos um time apático. No primeiro tempo, um time lento. No segundo, melhoramos a atitude, mas não conseguimos reverter o marcador por más decisões. O Atlético-GO aproveitou muito bem, e levamos uma dolorosa derrota", definiu o treinador.

+ Confira a tabela completa do Brasileirão e os próximos jogos do Coritiba

O primeiro gol do Dragão, por exemplo, saiu após um chutão errado de Matheus Alexandre. Depois, o clube goiano trabalhou a bola na frente da área alviverde até o lateral-direito Hayner cruzar para o meia Jorginho bater de primeira.

Os donos da casa ampliaram após as expulsões de Henrique e Luciano Castán nos minutos finais da partida. O atacante Airton aproveitou os espaços na defesa coxa-branca, bateu da entrada da área e acertou o cantinho de Muralha.

Morínigo se preocupa com desempenho fora de casa

Além da apatia, da lentidão e dos erros, outro aspecto que preocupa Morínigo é a diferença de aproveitamento e de comportamento dentro e fora de casa.

Como mandante, são nove vitórias e três empates em 12 jogos na temporada (83%). Como visitante, são sete vitórias, três empates e seis derrotas em 16 partidas (50%). No Brasileirão, a equipe soma um empate e três derrotas.

"Muitas diferenças, hoje estivemos falando disso. É tratar de equiparar essa atitude que o time tem dentro de casa, que é totalmente diferente. Podem haver muitas razões, e a derrota dói porque sabemos que temos condições de fazer muito melhor as coisas. Já fizemos em muitos jogos", completou Gustavo Morínigo.

O próximo desafio do Coritiba será contra o Botafogo, no domingo (29), às 16h, no Couto Pereira.

Participe da conversa!
0