Rodrigo Santana não é mais o técnico do Coritiba. Após a derrota para o Sport neste domingo (13), a diretoria alviverde optou pelo desligamento do seu terceiro técnico em 2020.

O presidente Samir Namur confirmou a queda em contato via Whatsapp com o UmDois, logo após o revés na Ilha do Retiro.

Com o tropeço diante de um concorrente direto, a equipe afundou na zona de rebaixamento, com 21 pontos, a sete do primeiro time fora da Z4, o Bahia.

Rodrigo Santana deixa o Coritiba sem nenhuma vitória

O treinador deixa o clube sem nenhuma vitória em sua passagem, com três empates e quatro derrotas no Brasileirão, aproveitamento insustentável de 11%.

Santana foi contratado após a queda de Jorginho com um único objetivo: tirar o Coxa da zona de rebaixamento. No entanto, não conseguiu. Ele assumiu a equipe com 19 pontos, fora da zona de rebaixamento, após vencer o Atlético-GO com Pachequinho, e deixou o clube na 18ª posição, com 21, somando apenas dois pontos.

Samir fará reunião com candidatos de oposição do Coritiba

O auxiliar-técnico Pachequinho assume a equipe nos treinamentos desta semana.

Nesta segunda-feira (14), o presidente Samir Namur, do Coritiba, irá convocar uma reunião com as duas outras chapas que concorrem à eleição do clube, União Coxa e Coritiba Ideal, de João Carlos Vialle e Renato Follador, respectivamente, para deliberar junto sobre o assunto.

Participe da conversa!
0