Com um gol legal anulado e um pênalti inexistente contra, o Coritiba, apesar do domínio da maior parte do tempo, foi derrotado por 2 a 0 pelo Botafogo, na noite deste sábado (5), no Nilton Santos, pela segunda rodada da Série B. Os gols do time carioca foram marcados por Marco Antônio, no rebote do pênalti mal assinalado pela arbitragem, e por Chay.

O resultado fez o Coxa parar nos três pontos e e cair para o sexto lugar, enquanto o Alvinegro subiu para quinto, com quatro pontos. O próximo compromisso do Alviverde na segunda divisão será no domingo (13), contra o Londrina, às 18h15, no Couto Pereira. Antes, porém, enfrenta o Flamengo, quinta-feira (10), também no Couto.

+ Confira como foi Botafogo x Coritiba no Tempo Real!

O jogo começou truncado, com poucas jogadas ofensivas dos dois lados. O Botafogo tentava jogadas pelo meio, mas pouco efetivas, enquanto o Coritiba apostava nos cruzamentos na área, na busca por Léo Gamalho.

Apesar do baixo desempenho dos dois lados, o Coxa, mesmo fora de casa, tinha maior controle da partida, com mais posse e indo mais para o campo ofensivo, principalmente pela direita, com Igor.

Aos 32, veio o lance mais polêmico. Em cobrança de falta na entrada da área, Igor bateu com categoria e mandou para o fundo das redes. Só que o árbitro anulou a jogada por não ter autorizado a batida, quando estava ajeitando a barreira. Porém, ele apitou liberando a cobrança, mas, ao mesmo tempo, foi até a barreira, que tinha se movimentado no mesmo momento.

No segundo tempo, o Coritiba voltou com a mesma postura, controlando a partida e indo para cima. Logo aos cinco minutos, após jogada pela esquerda, Léo Gamalho recebe na área e ajeita para Val, que vinha de trás, e chutou rente à trave direita de Douglas Borges.

+ Confira a classificação completa da Série B e os próximos jogos de Botafogo e Coritiba

Só que, aos 13, mais um erro da arbitragem prejudicou o Coxa. Após escanteio, Val foi tirar a bola, que na sequência bateu no braço de Igor. O árbitro assinalou o pênalti, mas, pela regra, quando a bola vem do companheiro do time e bate no braço do atleta sem intenção, não existe a infração. Marco Antônio foi para a cobrança e Wilson defendeu. Mas, no rebote, o próprio Marco Antônio marcou o gol.

Na busca pela reação, o técnico Gustavo Morínigo mexeu no Coritiba, tirando Matheus Sales e Léo Gamalho, para as entradas de Robinho e Dalberto. O objetivo era dar mais velocidade e criação lá na frente, abrindo mão um pouco da marcação.

Porém, em seguida veio o segundo gol do Botafogo. Aos 28, em rápido contra-ataque, Warley recebeu pela direita, que cruzou para a área, e encontrou Chay, do outro lado, que empurrou na saída de Wilson. Depois disso, o Alviverde não teve mais forças para reagir e o placar ficou em 2 a 0.

Ficha técnica

SÉRIE B
2ª rodada
05/06/2021


BOTAFOGO 2x0 CORITIBA

Botafogo:
Douglas Borges; Warley, Kanu, Gilvan e Paulo Victor; Luis Oyama (Rickson), Pedro Castro (Guilherme Santos) e Marco Antônio (Ricardinho); Ronald (Daniel Borges), Chay (Ênio) e Rafael Navarro.
Técnico: Marcelo Chamusca

Coritiba:
Wilson; Igor, Nathan Ribeiro, Luciano Castán e Natanael; Matheus Sales (Robinho), Willian Farias e Val (Valdeci); Rafinha (Tailson), Waguininho e Léo Gamalho (Dalberto).
Técnico: Gustavo Morínigo

Local: Estádio Nilton Santos (Rio de Janeiro-RJ)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)
Assistentes: Helcio Araujo Neves (PA) e Luis Diego Nascimento Lopes (PA)
Gols: Marco Antônio, 16, Chay, 28 do 2º
Cartões amarelos: Chay, Paulo Victor (BOT); Nathan Ribeiro, Natanael (COR)

Participe da conversa!
0