Há alguns dias o Resenha do Poker trouxe uma coluna mostrando a preocupação com a abordagem do poker na nova novela das 9, “A Força do Querer”, que estreia nesta segunda-feira (3).

Siga o Resenha do Poker no Facebook

No artigo “Próxima novela das 9 pode aumentar o preconceito com o poker”, questionamos o fato de a atriz Lília Cabral viver Silvana, uma viciada em jogo, e como isso poderia contribuir para o aumento de uma visão perturbada sobre o poker.

Recentemente, no entanto, a própria atriz mostrou que sabe que este é um jogo de habilidade, diferente de jogos de azar como loterias, maquinas caça-niqueis ou roletas. Ao ser questionada sobre o novo papel no programa Vídeo Show, também da Rede Globo, ela foi categórica.

“Na verdade o jogo de poker é um jogo de inteligência. É impressionante”, afirmou. “A Silvana acha que é um jogo de sorte. Mas não é sorte. É inteligência. Então é por isso acho que ela vai perdendo. Porque ela confia na sorte e esquece de usar a habilidade, a cabeça”, acredita a atriz. (Veja o vídeo no final desse texto publicado no Facebook do jogador André Akkari)

Uma ótima notícia saber que a atriz pensa assim. Já está mais do que provado de que o bom jogador, a longo prazo, vence, o que não ocorre em jogos de azar.  Não é a toa que as pessoas podem jogar no Brasil e isto não é crime. Agora resta esperar como isso vai ser tratado perante milhões de telespectadores a partir dessa segunda-feira.

Novidades
Quer receber antes de todo mundo as novidades do Resenha do Poker? Sugestões de matérias, críticas? Mande um e-mail para robsonm@gazetadopovo.com.br

LEIA MAIS
Curitibanos têm maiores premiações da história do poker no Brasil
Casas de poker podem cobrar a mais por pagamento no cartão? Procon-PR responde
Paranaense ganha R$ 286 mil em torneio de poker no Panamá
Evento nacional que une poker e entretenimento será em Curitiba
Casa de poker abre curso para dealers. Saiba o salário e como é a profissão
Descoberto o motivo do jogador misterioso não aparecer
Aprenda a jogar poker em menos de três minutos

Participe da conversa!
0