O WSOP Argentina definitivamente foi dos paranaenses. Depois de Luís Kamei ganhar cerca de R$ 100 mil em um dos torneios da marca mais famosa no mundo do poker, coube a Rafael Pandolfo, natural de Foz do Iguaçu, vencer o evento principal e levar para casa 140.050 dólares, o equivalente a R$ 440 mil.

Siga o Resenha do Poker no Facebook

Para conquistar esta importante vitória e o esperado anel de campeão, Pandolfo pagou mil dólares de inscrição e superou grandes jogadores de toda a América do Sul. No total, a competição teve 924 entradas.

“Esse mês tenho uma maratona de torneios, falei que tinha que ganhar um, só não sabia qual escolher. Não sei o que falar, aconteceu. Estou feliz demais, estou besta ainda. É uma WSOP, não cai a ficha”, disse o paranaense ao site Super Poker após o maior prêmio da sua carreira.

O jogador contou com uma torcida numerosa que o apoiou até a última jogada, quando o AJ de Pandolfo venceu o 55 do argentino Alejandro Sicuro. Era o que bastava para a torcida invadir o palco na comemoração e Pandolfo chorar muito de emoção ao fim do WSOP Argentina.

O título consagra ainda mais Pandolfo como um dos jogadores brasileiros com melhores resultados recentes no poker ao vivo. No ano passado, na etapa do Brasileiro (BSOP) em Foz do Iguaçu, ele também foi o vencedor e ganhou R$ 351 mil.

Novidades

Quer receber antes de todo mundo as novidades do Resenha do Poker? Sugestões de matérias, críticas? Mande um e-mail para robsonm@gazetadopovo.com.br

LEIA MAIS:
Após maratona, jogador de poker se torna orgulho de pequena cidade do Paraná
Todos os jogadores de poker perdem mais dias do que ganham. Todos! Entenda o motivo
De novo? Curitibano ganha R$ 150 mil em torneio de poker
Campeão mundial de poker paga R$ 12 milhões em impostos
Aprenda a jogar poker em menos de três minutos

Participe da conversa!
0