Gustavo Kamei conquista o evento 34 do BSOP MIllions. Foto: Divulgação BSOP

Gustavo Kamei, 24 anos, é um destaque do poker nacional. Natural de Dracena, interior de São Paulo, mas residente em Curitiba há seis anos, o jogador profissional foi recentemente vice-campeão brasileiro da modalidade, com direito a uma arrancada sensacional nas últimas etapas.

Siga o Resenha do Poker no Facebook

“No começo eu não ia disputar as oito etapas do Brasileiro, mas tive um bom desempenho na primeira, ficando em segundo lugar no evento principal. Depois continuei indo bem e decidi completar todo o campeonato“, conta.

No total foram seis premiações, incluindo três mesas finais, um segundo lugar e um primeiro justamente no BSOP Millions, em São Paulo, no começo de dezembro. No evento 34, que tinha entrada de R$ 460 e 391 participantes, Kamei ficou em primeiro lugar e ganhou R$ 29.040,00.

Com a conquista do segundo lugar geral do ano, o jogador radicado no Paraná ainda levou um prêmio de R$ 70 mil e as entradas para todos os eventos principais do Brasileiro do ano que vem. O campeão barsileiro foi o paulista Rodrigo Zidane.

Questionado sobre uma dica para ser vencedor, Kamei é simples: “É só estudar que as coisas acontecem. Quanto mais você se dedica, melhor são os resultados”, ensina.

Curitiba destaque nacional

A história de Gustavo Kamei com o poker começou quando ele veio estudar Engenharia Civil na capital paranaense. Influenciado pelo irmão, conheceu o jogo e logo percebeu que tinha futuro ali. Após três anos de faculdade, decidiu que era hora de se dedicar exclusivamente ao poker.

“Eu jogava para o Yuri Martins (um dos curitibanos com mais destaque no poker mundial e que hoje mora na Austrália) e surgiu a oportunidade de fazer parte do time. Não dava para fazer as duas coisas ao mesmo tempo”, relembra o jogador, que sempre foi mais adepto do poker on-line.

Kamei estuda com outros jogadores para que todos avancem. Diego Portela, que recentemente passou aqui pelo Resenha do Poker também com ótimos resultados, faz parte desse grupo. Há vários na cidade, o que a cada dia melhora o nível do poker paranaense.

“Os curitibanos são muito respeitados nacionalmente”, garante.

Novidades
Quer receber antes de todo mundo as novidades do Resenha do Poker? Mande um e-mail para robsonm@gazetadopovo.com.br

LEIA MAIS

Quatro casas se juntam para fazer o Festival de Poker de Curitiba
Baralho para cegos chama atenção em torneio de poker com paralímpicos
Range de mãos: aprenda de uma vez quando aumentar ou desistir no poker
Conheça 30 famosos que jogam poker
Poker: 15 dicas para melhorar o seu jogo

Participe da conversa!
0