Leandro Luiz Martins, o Leandrinho, foi o grande campeão do 500k de Natal do Espaço Poker, torneio com mais de mil entradas e que encerrou nesta terça-feira (19). Com a vitória, o empresário de 38 anos, dono de uma loja de autopeças, levou para casa um prêmio de R$ 60 mil e um grande troféu.

Também conhecido como “Macumbinha” pelos amigos, por causa da relação da família com a religião espírita, Leandrinho chegou ao triunfo após bater na trave em outros dois grandes torneios e principalmente depois de se reencontrar no poker. Antes ele jogava cash game e, de forma descontrolada, já chegou a perder praticamente o valor do último prêmio em uma noite.

Siga e curta o Resenha do Poker no Facebook

“Para quem joga cash game eu recomendo que jogue recreativo, sem ser compulsivo e em clubes. É necessário ter limites, jogar quando se tem uma expectativa positiva de valor, o mais EV”, alerta o jogador amador, com a consciência de quem sabe como é entrar no “ferro”, como se fala no mundo do poker.

Com mais foco nos estudos e nos torneios, Leandrinho garante que a vida está melhorando e os resultados são prova disso. Agora ele quer pensar para frente, viajar, jogar torneios grandes como o BSOP, e mostrar que o poker é divertido e pode gerar uma renda extra no final do mês para quem se dedica. Mas sempre com responsabilidade.

“O torneio acabou às 7h e já tinha um compromisso profissional de manhã, dormi muito pouco. Ainda não caiu a ficha direito”, admite o campeão.

Parabéns, Macumbinha! Passou por feras na mesa final e mereceu essa conquista!

 Novidades

Quer receber antes de todo mundo as novidades do Resenha do Poker? Sugestões de matérias, críticas? Mande um e-mail para robsonm@gazetadopovo.com.br 

Leia mais nas últimas do Resenha do Poker:

Com vista para o mar, primeiro clube de poker no litoral vira opção para paranaenses. Veja fotos
Quebrou a banca! Curitibano de 21 anos fatura R$ 236 mil em torneio de poker online
Paranaense é campeão brasileiro de poker! Premiação inclui caminhonete de luxo e viagem para Bahamas
Racismo no poker faz jogador ser banido para sempre do Campeonato Brasileiro

Participe da conversa!
0