O Paraná perdeu mais uma na Série C. Diante do Figueirense, o Tricolor sofreu 2 a 0 nesta segunda-feira (16), no Orlando Scarpelli, pela 12º rodada, e completou cinco jogos sem vencer. Os gols foram de Rodrigo Bassani e Andrew. Com time limitado, o time paranista não dá perspectivas de melhora e reação para evitar a queda à Quarta Divisão.

Veja a tabela da Série C!

O resultado desta noite ainda afundou o time dentro da zona de rebaixamento do Grupo B. O Paraná é o nono colocado, com apenas nove pontos, a três de sair da ZR. A derrota também fez o próprio Figueira, sétimo colocado, abrir sete pontos do Tricolor.

O próximo compromisso do time de Silvio Criciúma em busca de uma reação será contra Ituano no sábado (21), às 19h, na Vila Capanema. Para sair da zona da degola, o time precisará vencer e torcer por uma derrota do São José na rodada.

Tricolor assusta no começo, mas é dominado pelo Figueirense

O Paraná precisava vencer para sair da zona de rebaixamento. O Tricolor até começou pressionando, teve o primeiro chute da partida com Vinicius Moura e acertou o travessão em um chute de Sillas, que contou com desvio.

Depois disso, só deu Figueira. Os mandantes passaram a controlar o meio de campo e usavam os lados para chegar com perigo. Pela direita, Renan cruzou na marca do pênalti. Bassani se antecipou a Danilo e mergulhou de peixinho para abrir o placar aos 21 minutos, 1 a 0.

Pelo lado direito, principalmente, André Krobel e Diego Tavares deram trabalho para o paranista Danilo - um dos piores do time na partida. E o Furacão do Estreito só não aumentou o marcador no primeiro tempo por falta de pontaria.

Na etapa final, o Figueirense manteve o domínio e o segundo gol saiu cedo. Aos 9', após cruzamento da direita, Diego Tavares não consegue chegar, mas Andrew aparece livre na marca do pênalti e chuta para estufar as redes, 2 a 0.

O time paranista até teve chances de descontar, mas faltou qualidade. No melhor lance, Lucas Sene, que havia acabado de entrar, chutou com desvio e fez o goleiro Rodolfo Castro fazer uma defesaça.

Dentro da zona de rebaixamento da Série C, o Paraná não dá perspectivas de recuperação. Com um time limitado tecnicamente, sem peças decisivas e criativas, aliados aos problemas extracampo, o Tricolor completou cinco jogos sem vitórias: dois empates e três derrotas. Sob o comando de Silvio Criciúma, o time ainda não venceu.

Participe da conversa!
0