Foto de perfil de Cristian Toledo

Cristian Toledo

Ver mais

As notas de Fluminense 3×1 Athletico

Athletico
Carlos Eduardo marca Nenê. O atacante do Athletico não foi bem, e o meia do Fluminense marcou o gol que iniciou a virada.| Foto: Mailson Santana/Fluminense FC
  • PorCristian Toledo
  • 06/12/2020 11:00

Vamos às notas do Athletico na derrota por 3x1 para o Fluminense, neste sábado (5), no Maracanã, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Athletico

Santos: Defendeu pênalti, fez pelo menos outras duas ótimas intervenções e não teve culpa nos gols - 7,5.

Erick: Jogo bem discreto - 5,5.

Pedro Henrique: Foi bem melhor que o seu companheiro de defesa - 6.

Thiago Heleno: Depois de ser herói contra o River Plate, teve uma atuação trágica, sendo expulso no primeiro tempo - 3.

Abner: Na etapa inicial, deu a assistência do gol do Athletico, mas depois caiu de produção - 6.

Wellington: Vinha discreto até ser substituído - 5,5. Zé Ivaldo entrou para recompor a defesa do Athletico - 5,5.

Richard: Falta a ele mais qualidade no passe. Até acerta alguns, mas não consegue clarear o jogo - 5,5.

Léo Cittadini: De novo jogando aberto, posicionou-se bem, inclusive marcando o gol do Athletico - 6,5.

Nikão: Teve um primeiro tempo regular, mas acabou se lesionado - 6. Walter entrou e ficou isolado na frente - 5.

Carlos Eduardo: Foi pouco acionado. Mais marcou do que jogou - 5,5. Jaime Alvarado o substituiu e nada pôde fazer - 5.

Renato Kayzer: Outra partida apagada do centroavante do Athletico - 5. Fernando Canesin entrou, mas logo depois o time levou dois gols - 5.

Paulo Autuori: Errou nas alterações do segundo tempo - 5.

Fluminense

Nenê foi decisivo no primeiro tempo (mesmo perdendo pênalti) e Marcos Paulo arrebentou no segundo.

Participe da conversa!
0

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.