Veja como ficou a nossa seleção da 14ª rodada do Brasileirão. Os 11 escalados serão atualizados, se necessário, após a partida entre Internacional x Ceará, que será disputada nesta segunda-feira (23).

Seis clubes foram representados no time, que utiliza o sistema tático 4-2-3-1. O atacante Pedro, do Fluminense, foi escolhido o craque da rodada.

Confira a seleção da 14ª rodada do Brasileirão:

Martín Silva (Vasco)

O goleiro uruguaio mostrou sua habitual segurança e conseguiu parar o ataque do Grêmio, que passou todo o segundo tempo no ataque.

Éder Militão (São Paulo)

O jovem lateral-direito entra para a seleção pela segunda rodada seguida. Desta vez, deu assistência na vitória sobre o Corinthians.

Tiago (Bahia)

O zagueiro ganhou tudo no jogo aéreo, fez quatro desarmes e ainda marcou um gol no clássico contra o Vitória.

Anderson Martins (São Paulo)

Destaque na zaga são-paulina, Martins foi mais uma vez decisivo ofensivamente, com gol no clássico de sábado.

Reinaldo (São Paulo)

Lateral-esquerdo de origem, Reinaldo atuou na meia-esquerda contra o Timão — e foi decisivo. Com dois gols, garantiu o triunfo no clássico.

Bruno Henrique (Palmeiras)

Capitão palmeirense, o volante balançou a rede duas vezes contra o Atlético-MG. Primeiro de falta e depois de cabeça, no gol que valeu a vitória.

Moisés (Palmeiras)

O polivalente meio-campista aproveitou a bizarra falha de Juninho e guardou o seu contra o Galo. Também chutou uma bola no travessão e reclamou muito do árbitro.

Lucas Paquetá (Flamengo)

O meia de 19 anos segue em ótima fase. Contra o Botafogo, além de comandar a armação da equipe, deixou mais uma vez sua marca.

Zé Rafael (Bahia)

‘Hazard da Fonte Nova’, o camisa 10 fez de tudo no Ba-Vi: gol, assistência, além de sofrer pênalti. Foi o cara do Bahia no duelo.

Matheus Sávio (Flamengo)

O prata da casa fez um golaço no jogo contra o Botafogo e vai se firmando, ao lado de Paquetá, como titular.

Pedro (Fluminense) – Craque da rodada

Se continuar nesse ritmo, Pedro não termina a temporada nas Laranjeiras. O matador deixou dois e garantiu o triunfo sobre o Sport, fora de casa. Já são nove para o artilheiro do Brasileirão, que tem demonstrado muito sangue frio dentro da área.

Participe da conversa!
0