Foto de perfil de Augusto Mafuz

Augusto Mafuz

Ver mais
Opinião

O problema de Walter: o tamanho da camisa ou o peso?

Walter e a sua situação no Athletico.
Walter e a sua situação no Athletico.| Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDoisEsportes
  • PorAugusto Mafuz
  • 07/12/2020 18:22

Suspenso por doping, absurdamente fora do peso, pedindo clemência pelos erros passados, Walter apontou que o Athletico seria um único capaz de recuperá-lo como jogador.

Por conhecê-lo bem, afirmo que Mário Celso Petraglia não lhe deu a mão a intenção imediata de recuperá-lo como jogador. Bem mais forte, foi a intenção de auxiliar Walter a recuperar a dignidade como jogador. Foi mais uma ação de caráter humanitário.

Não sei se era uma visão distorcida pela transmissão ou se era uma visão real, mas, o Walter que apareceu no Maracanã causou uma péssima impressão. Se não fosse um jogador de futebol, a sua imagem iria sugerir, em tese, ser portador de obesidade como doença.

Essa sua imagem, destacada pelo descompasso entre o corpo e o número da camisa, provoca desconforto para o próprio Athletico.

Por ter qualidades raras como jogador (a inteligência e a visão de jogo, em especial), sempre se arruma um argumento para criar-lhe uma situação mais relevante que o seu tamanho físico.

Se a intenção do Furacão em relação a Walter continua sendo mais assistencial, entendo que o jogador deveria ser tratado nos limites do CT do Caju. Em campo, uma ou outra grande jogada, até decisiva que é capaz de fazer, irá continuar com essa falsa impressão de que o Furacão tem um craque enxuto.

O melhor do Brasil

| Fernando Roberto/Estadão Conteúdo

Fui um crítico de Fernando Diniz nos seus tempos de Athletico. Mas, a “grande imprensa” (São Paulo e Rio), foi crítica por sua passagem recente no Fluminense, e até um dia desses, no São Paulo.

Eu quero confessar que dou meu braço e Diniz pode torcê-lo, e até quebra-lo. O seu São Paulo, sem estrelas ou estrelismo, está sendo magnifico.

E vejam só o que é o futebol. Há tantos críticos de plantão por serem contra o “dinizmo”, mesmo diante do seu trabalho brilhante, Diniz não pode falhar. Qualquer fracasso do São Paulo, que pode ocorrer, sempre ele será escolhido para o sacrifício.

Participe da conversa!
0

    Tudo sobre

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.