Foto de perfil de Augusto Mafuz

Augusto Mafuz

Ver mais
Opinião

Athletico já alcançou limite técnico e o boato de “virada de mesa”

Athletico joga reta final do Brasileirão na base da superação
Athletico joga reta final do Brasileirão na base da superação| Foto: Albari Rosa/Foto Digital/UmDois
  • PorAugusto Mafuz
  • 18/12/2020 07:56

As ações de Paulo Autori como treinador do Athletico passam a ser mais no campo motivacional do que no tático e técnico. Com essa conduta, Autuori parece estar convencido de que o time já alcançou o seu limite técnico. Mais do que vem jogando, é incapaz de jogar. Se é esse o seu raciocínio, está absolutamente certo.

Não há outra explicação para que o treinador venha impondo ao time a obrigação de ganhar, em sequência, do Brangantino (Bragança), Vasco (Baixada) e Botafogo (Nilton Santos). Sabe que isso só será possível se o Furacão se superar, isto é, marcar mais, correr mais e lutar mais, fato que os jogadores, até a derrota para o Galo, não demonstram disposição de fazer.

Está correto Autuori de, resignado, não transmitir aos jogadores a ilusão de que o Furacão está acima do bem e do mal. Tornando-se vulnerável e absolutamente mortal com jogadores como Richard, Abner, Ravanelli, Bissoli, Kayzer, Fabinho e Carlos Eduardo, é possível que o time tenha ganho a consciência de que está muito próximo do mal e bem longe do bem.

Virada de mesa: Brasileirão sem rebaixamento?

Um burburinho que teria começado em Brasilia está sendo infiltrado nos corredores da CBF: em razão dos efeitos da pandemia sobre o futebol, que tornaram atípico o campeonato, não haveria rebaixamento no Brasileirão de 2020. Subiriam quatro clubes da Segundona e, no campeonato de 2021, seriam rebaixados seis.

Seria um simples boato, se os beneficiários imediatos não fossem Botafogo e Vasco, que estão sendo degolados. Depois que Bolsonaro por medida provisória criou a “Lei do Mandante” para o Flamengo, determinou a volta do futebol no pique da pandemia e a volta das torcidas aos estádios, tudo pode acontecer.

Participe da conversa!
0

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.