Promessa da base do Atlético, o atacante Bruno Rodrigues foi vítima de uma emboscada de torcedores do Joinville na tarde do último sábado (9). O jogador de 20 anos foi emprestado pelo Furacão ao clube catarinense até o fim deste ano.

O incidente violento aconteceu antes da partida contra o Mogi Mirim, na Arena Joinville. Um pequeno grupo de torcedores apedrejou o ônibus da delegação do Joinville e Bruno Rodrigues acabou atingido.

Em seguida, um dos manifestantes invadiu o veículo e entrou em briga física com uma série de jogadores do clube. Um vídeo gravado pelo narrador Charles Fischer, da Rádio 89FM, mostra o momento em que o invasor foge do ônibus.

Auxílio de Lúcio Flávio

O experimente meia Lúcio Flávio, ex-Coritiba e Paraná, foi um dos responsáveis por acalmar Bruno Rodrigues antes do jogo com o Mogi. A equipe catarinense venceu por 8 a 1, mas acabou eliminada da Série C.

“Vi que o cara conseguiu entrar no ônibus e, quando alguém faz isso sozinho, a gente sempre imagina que possa estar armado. Por isso, pensamos no pior”, contou o atleta. “Se ele invadisse a parte interna do ônibus, poderia ser pior para ele. Uma tragédia poderia acontecer”, complementou o capitão da equipe.

Veja vídeo de golaços de Bruno pelo Atlético

Participe da conversa!
0