Destaque do Atlético entre 2010 e 2012, o atacante Guerrón, hoje com 32 anos e no Pumas, do México, viveu um momento constrangedor nesta terça (22): foi esquecido pelo seu time.

Antes do jogo contra Universitário, no estádio Olímpico da Cidade do México, o jogador foi flagrado correndo pelo saguão do hotel atrás do ônibus que levava à equipe para o confronto.

A gravação viralizou entre os mexicanos e aumentou a fama polêmica do atleta equatoriano. Em junho, durante a pré-temporada, também foi buscado em casa para não viajar sem a delegação do Pumas.
Apesar disso, ele conseguiu se deslocar a tempo de ser relacionado para a partida. Entrou, no segundo tempo,  mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 1

Participe da conversa!
0