O Paraná colocou em uma imobiliária parte do terreno da sede social da Avenida Kennedy, na Vila Guaíra, para venda. O clube pede R$ 60 milhões por uma área de 18 mil metros quadrados. A informação conta em um portal de negócios na internet, com publicação de quarta-feira (19/10).

ENTREVISTA: investidor defende venda da Kennedy e projeta R$ 50 mi para o Paraná se reerguer

Diz o anúncio. “Terreno com 18.000 m2, totalmente plano, ZR3, para uma Construtora ou Incorporadora desenvolver projeto de Edifícios ou Casas. Localização privilegiada, junto à Av. Presidente Kennedy na esquina da Praça Bento Munhoz da Rocha Neto. VALOR SUJEITO A ALTERAÇÃO SE AVISO PRÉVIO”.

VEJA FOTOS DA KENNEDY HOJE

A ideia de se desfazer da totalidade área esbarra em questões jurídicas, através da lei municipal número 1.550 que impediria uma transação financeira.Por isso, apenas algumas plantas do quarteirão gigantesco na Vila Guaíra estão disponíveis para compra.

Há um ano, em outubro de 2015, o Tricolor confirmou que o imóvel estava no mercado. Cerca de 150 conselheiros participaram da votação para permitir o negócio e 70% foram favoráveis à venda do patrimônio.

No mês passado, o clube mudou a sede administrativa do local para Quatro Barras, no Ninho da Gralha. A ideia eraa enxugar ainda mais o quadro de funcionários e centralizar os departamentos do clube em uma só propriedade.

A sede social da Kennedy é o símbolo do poder patrimonial do Pinheiros, agremiação que fez fusão com o Colorado para dar origem ao Paraná, em dezembro de 1989.

 

Quer lembrar dos tempos de glória da Kennedy, veja a foto abaixo.

 

Participe da conversa!
0