A maratona de jogos do Brasileirão começa no dia 8 de agosto e com ele a disputa do Cartola FC 2020. Neste ano, temos algumas mudanças nas pontuações por causa do novo fornecedor de scouts do fantasy. É preciso ficar atento!

---> Clique aqui para seguir as dicas do Professor também no Instagram

Pensando nisso, separamos aqui todas as pontuações atualizadas para que não ocorra nenhum engano. Confira abaixo quanto vale cada quesito, separados por ataque e defesa.

---> DICAS PREMIUM DO CARTOLA FC 2020: Cartoleiro Premium recebe dicas extras em um grupo exclusivo, tem acesso aos times pessoais do Professor e do Casão em todas as rodadas, além de poder tirar dúvidas individuais na Central do Assinante. Vamos te ajudar a ganhar suas ligas em 2020! CLIQUE AQUI E GARANTA SUA VAGA!

Pontuações de Ataque

Gol: A pontuação máxima no Cartola, o momento mais esperado no futebol, segue valendo 8 pontos.

Assistência: 5 pontos. Neste ano, o fantasy mudou um pouco os critérios do que é assistência. Resumidamente, vale agora a intenção do jogador em dar um passe para o gol.

Finalização na trave: 3 pontos. A novidade nessa temporada é que, se o goleiro desviar e a bola bater na trave depois, o jogador que finalizou ganhará os pontos de finalização na trave.

Finalização defendida: 1,2 pontos. Essa pontuação vale também agora para lances em que há uma finalização com o goleiro já batido e um defensor evita o gol em cima da linha.

Finalização para fora: 0,8 pontos.

Falta sofrida: 0,5 pontos.

Passe incompleto: -0,1 ponto. Um dos critérios mais polêmicos dessa edição. Substitui os passes errados e vale para qualquer lançamento que não chegue no companheiro de time, incluindo tiro de meta. Os goleiros devem ser os mais prejudicados.

Impedimento: -0,5 ponto.

Pênalti perdido: -4 pontos.

Para ver as nossas dicas do Cartola FC também no YouTube é só clicar aqui e se inscrever no nosso canal.

Defesa

Jogo sem sofrer gols: 5 pontos. Esta pontuação segue válida para goleiros, zagueiros e laterais quando o time não sofre gols em uma partida.

Desarme: 1 ponto. Substitui a roubada de bola, que era considerada no ano passado, e vale para qualquer interceptação de passe, mesmo que o jogador não fique com a bola e ela vá para fora. Bloqueios de cruzamentos e finalizações não estão incluídos.

Defesa de pênalti: 7 pontos. A segunda maior pontuação dessa lista é obviamente válida somente para goleiros.

Defesa difícil: 4 pontos. Também válido para goleiros. Houve um aumento de 1 pontos em relação ao ano passado, mas isso ocorreu por causa da mudança da fornecedora de scouts, que é mais rígida para avaliar uma defesa como difícil.

Gol sofrido: -2 pontos. Critério que só afeta os goleiros também.

Falta cometida: -0,5 ponto.

Cartão amarelo: -2 pontos.

Cartão vermelho: - 5 pontos.

Gol contra: -5 pontos.

Participe da conversa!
0