Com o mote "chegou a hora de voltar para casa", o Athletico divulgou nesta quinta-feira (7) detalhes sobre o retorno do público à Arena da Baixada. O reencontro acontece já neste sábado (9), contra o Bahia, às 19h. O clube terá acesso liberado aos sócios e também venda de ingressos para quem não é associado.

Os testes contra Covid-19, exigência para entrar no estádio, podem ser feitos em um laboratório parceiro do clube. Sócios pagam R$ 50 e não sócios R$ 60. O prazo é de no máximo 48h de antecedência do apito inicial. Caso opte por outro laboratório, é só levar o teste com QR Code de validação. O clube informa que não serão aceitos testes sem QR Code de validação.

Os sócios do clube tem acesso liberado ao estádio e sem a necessidade de realizar o check-in. O acesso será realizado através dos Portões B, G, H e O (veja no mapa abaixo). Já os Sócios VIP acessarão o estádio pelos Portões A e S1. Não haverá marcação de lugares, que será definida por ordem de chegada e com distanciamento. A abertura dos portões será às 17h.

Já os torcedores que não são sócios devem comprar a entrada através do site oficial. As entradas custam R$ 150 (R$ 75 meia). Não haverá venda de ingressos na bilheteria do estádio. Também não haverá venda para torcida visitante.

Na noite de quarta-feira (6), o presidente Mario Celso Petraglia já havia confirmado a volta da torcida. A decisão, no entanto, só foi tomada após o novo decreto publicado pela Prefeitura de Curitiba aumentar de 20% para 50% o limite de público em eventos esportivos.

Antes da flexibilização, Petraglia se mostrou contrário ao retorno do público e alegou que o clube teria prejuízo financeiro ao receber no máximo cinco mil sócios. Agora, a Arena está autorizada a ter até 21.186 pessoas e, além de sócios, o Furacão também pode vender ingressos.

Participe da conversa!
0